• Rui Bebiano in «A Terceira Noite'
  • Portugal

Os perigos do presentismo

O presentismo é uma categoria de análise do tempo, criada pelo historiador francês François Hartog, segundo a qual passado e presente desaparecem como referentes da experiência humana, seja esta pessoal ou coletiva, dado passarem a valer apenas pela forma como são compreendidos no momento. Nestas condições, o próprio futuro desvincula-se de toda a construção utópica, sendo visto como mais do mesmo e deixando de suscitar esperança nos indivíduos e nas comunidades. Resta única e exclusivamente o presente como instância de orientação no tempo: tudo é apresentado como se passado e futuro fossem realidades incertas, que não têm lições a dar-nos, nem projetam a nossa vida para horizontes de progresso. Para os presentistas, vivemos um eterno presente e só este é real.

Dizer isto na atualidade parece um paradoxo, pois na aparência fala-se muito, como nunca se falou, do passado e do futuro. Todavia, eles não são apresentados como diferentes do mundo em que vivemos, surgindo antes como algo que hoje apenas repete o que aconteceu ou que antecipa o que pode vir a acontecer, sem que exista uma atitude crítica e uma manifestação de conhecimento em relação a acontecimentos ou a momentos do passado nos quais ocorreu uma viragem profunda. Por exemplo, das revoluções esconde-se muitas vezes a violência, a mudança das atitudes sociais que provocaram, a criação de uma nova ordem política e cultural por elas impostas. Por sua vez, dos projetos para o futuro desaparece a possibilidade de transformações profundas e duradouras,como se não fossem possíveis os momentos de significativa viragem. Passado,presente e futuro são assim colocados numa linha de continuidade, esquecendo que não é esta, mas sim a mudança profunda e acelerada, e a criação de alternativas, que fazem mover a História e que criam o novo.

Boa parte desta vertigem presentista fica a dever-se à expansão muito rápida dos meios de comunicação, aliada a muitos dos novos movimentos pela recuperação da memória socialmente partilhada. No primeiro caso, a constante e acelerada proliferação de informações sobre o passado nos jornais, na televisão ou na Internet faz com que muitas vezes este seja demasiado «normalizado», ou mesmo banalizado, não se percebendo a diferença que existe entre situações vulgares e momentos excecionais. No segundo caso, a obsessão pela memória faz com que inúmeras vezes se misture o que a tradição diz como tendo sido a realidade dos acontecimentos ocorridos noutro tempo com o que hoje realmente acontece, como se o hoje fosse uma mera repetição do ontem e um prelúdio do amanhã.

Um bom exemplo disto é a «normalização» do modo de observar o período revolucionário que Portugal viveu em 1974-1975. Quando observamos os discursos comemorativos ou aquilo que dizem os manuais escolares sobre aquele tempo, tudo parece simples, linear, como se o que aconteceu fosse apenas uma perturbação ocasional da ordem política, determinada pela iniciativa de algumas pessoas mais ousadas, e não um movimento profundo, com passado e futuro, que abalou profundamente a sociedade e marcou para sempre a vida das novas gerações. A estas é-lhes dito que vivem em democracia, sem que se lhes mostre que esta nasceu de um parto difícil e é algo que precisa ser exercido,defendido, pensado e desenvolvido todos os dias.

Neste sentido, o presentismo pode levar-nos, como está já a acontecer em vários países da Europa, a um regresso a situações de autoritarismo, intolerância e violência que no passado já causaram tantos danos e tão graves conflitos, entre eles as duas guerras mundiais e as experiências totalitárias. Falando tantas vezes em nome do passado, ou da história das nações e dos povos, os novos fascismos alimentam-se do excesso de presente, como se os direitos sociais e políticos que estruturam a vida coletiva não tivessem sido conquistados gradualmente, a pulso, com lutas e sacrifícios vividos por tantos homens e tantas mulheres ao longo de décadas ou mesmo de séculos. Como se eles fossem algo descartável da memória de um presente vivido na indiferença, sem causas e ideais mobilizadores. Este é um perigo que deve ser enfrentado, pois não podemos viver sem passado e sem futuro, sob pena de retornarmos ao estado de barbárie do qual um dia partimos.

Rui Bebiano

Fotografia: Chittakone Baccam
Publicado originalmente no Diário As Beiras de 23/2/2019
 

Ver original em 'A Terceira Noite' na seguinte ligação:

http://www.aterceiranoite.org/2019/02/23/os-perigos-do-presentismo/

Artigos relacionados

Marxismo e atualidade do pensamento de Althusser
Marxismo e atualidade do pensamento de Althusser   A crítica ao pensamento althusseriano deve ser restrita a ele, ou seja, a Althusser e seu legado.... 35 views Tue, 07 Jul 2020, 00:38:09
 Bolsonaro e o ocaso da teoria política moderna
Bolsonaro e o ocaso da teoria política moderna – A teoria política moderna fundamenta-se em algumas premissas que a crise da sociedade burguesa plenamente desenvolvida... 43 views Tue, 30 Jun 2020, 00:14:56
Contra a escravidão, Marx lutou pela liberdade
Contra a escravidão, Marx lutou pela liberdade Os conservadores espalham mentiras sobre Karl Marx – ele não foi apenas um ativista consistente contra a escravidã... 145 views Wed, 17 Jun 2020, 15:31:36
Boaventura: as hierarquias que estão em xeque
Boaventura: as hierarquias que estão em xeque     Fracasso norte-americano revela como se tornou frívola a arrogância do norte diante do sul. E a idei... 181 views Thu, 04 Jun 2020, 16:29:39
História, estruturalismo e anti-marxismo
História, estruturalismo e anti-marxismo Muitos marxistas abusam do uso das expressões estrutura e suas correlatas, infraestrutura e superestrutura que, no... 198 views Thu, 04 Jun 2020, 15:23:16
O revivalismo militar e o 25 de Abril
O revivalismo militar e o 25 de Abril   Car@s associad@s  Permitam-me que comece por felicitar o meu Amigo, camarada de armas e do 25 de Abril, ... 142 views Tue, 28 Apr 2020, 13:13:13

Teoria, 25Abril

  • Criado em .
  • Visualizações: 308

Comentários (0)

There are no comments posted here yet

Deixe os seus comentários

  1. Posting comment as a guest. Sign up or login to your account.
0 Characters
Anexos (0 / 5)
Share Your Location

Publicações mais recentes

Filtrar por categoria
07, julho 2020

Jair Bolsonaro diz que está com sintomas de Covid-19

em Mundo

por Filipe Sousa

Filipe Sousa - 06/07/2020     A CNN Brasil noticiou que foi o próprio presidente brasileiro que confirmou a informação e que está a tomar hidroxicloroquina. Jair Bolsonaro cancelou a agenda presidencial para o resto…
07, julho 2020

Impedir a reprivatização da Efacec

em Portugal

por AbrilAbril

A indústria transformadora continua a ser o esteio das economias mais desenvolvidas, seja a nível europeu ou mundial, como atesta a realidade económica dos últimos 150 anos. Créditos / NTech News A constatação levou o…
07, julho 2020

Mensagem aos leitores de Hong Kong

em Mundo

por resistir.info

– Como vendemos a União Soviética e a Checoslováquia por sacos de plástico por Andre Vltchek Esta foi uma história que, durante meses, quis partilhar com os jovens leitores de Hong Kong. Parece-me ser agora…
07, julho 2020

MISTÉRIO. Mulher desaparecida há mais uma semana depois de receber herança

em Cascais

por CASCAIS24

Por Valdemar Pinheiro 06 julho 2020 Uma mulher, na casa dos 60 anos, alegadamente "bafejada" por uma herança familiar, está dada como desaparecida em Cascais desde há oito dias, em circunstâncias que as autoridades estão…
07, julho 2020

Vírus pode ter estado adormecido antes de surgir na China, diz investigador de Oxford

em Mundo

por ZAP in ZAP

Massimo Percossi / EPA   O novo coronavírus pode ter estado adormecido algures no mundo antes de ter surgido na China, defendeu o investigador da Universidade de Oxford, Tom Jefferson, apontando para várias descobertas de…
07, julho 2020

Na morte de Custódia Chibante

em Portugal

por Abril de Novo Magazine

Maria Custódia Chibante, resistente antifascista do Couço e ex-presa política, morreu quinta-feira, dia 2 de Julho. Natural do Couço, concelho de Coruche, era filha de uma camponesa e um pedreiro, não conseguindo cumprir o seu…
07, julho 2020

Sem política nacional de enfrentamento, Brasil chega a 65.487 óbitos pela Covid

em Mundo

por Brasil24/7

  Reuters - O Brasil registrou nesta segunda-feira mais 620 óbitos em decorrência da Covid-19, atingindo um total de 65.487 mortes relacionadas à doença respiratória provocada pelo novo coronavírus, informou o Ministério da Saúde. O…
07, julho 2020

EUA: instabilidade política e o retorno da Guerra Fria

em Mundo

por Leonardo Igor

  Desde o início de seu governo, Donald Trump tem sido caracterizado por uma série de elementos de instabilidade e ingovernabilidade: não apenas o impeachment, mas as mudanças permanentes em seu gabinete, sua disputa com…
07, julho 2020

Com quase 700 mil casos de Covid-19, Índia é o 3º país mais afetado do mundo

em Mundo

por Brasil24/7

  Reuters - A Índia ultrapassou a Rússia ao atingir o número de 700 mil casos do novo coronavírus, o terceiro maior do mundo, de acordo com os dados mais recentes, e o surto não…
07, julho 2020

Os doutores Salgado e Mexia: fantasmas de um flirt passado do ISEG

em Portugal

por Ladrões de Bicicletas (Diogo Martins)

 A última semana trouxe a debate a crescente ingerência do dinheiro das grandes empresas privadas na universidade pública. O tema veio a discussão na sequência de uma notícia na revista Sábado, que dava nota da…
07, julho 2020

Crescimento “preocupante” de casos de covid-19 no Luxemburgo (e a “culpa” pode ser de portugueses e cabo-verdianos)

em Mundo

por ZAP in ZAP

(CC0/PD) 12019 / Pixabay   O Luxemburgo está a assistir, nas últimas semanas, a um crescimento significativo no número de novas infecções por covid-19. A ministra da Saúde fala numa subida “preocupante”. Muitas destas novas…
07, julho 2020

Agência de rating espanhola baixa perspetiva de Portugal de “estável” para “negativa”

em Portugal

por Lusa in ZAP

(Comentário: E anda o Primeiro Ministro de Portugal a falar castelhano...Com 'amigos' destes! Ou será que há espanhóis a prepararem-se para comprar o que resta da indústria lusa a preço de saldos?) (dr) Museu do…
07, julho 2020

A política económica reacionária e perigosa de Emmanuel Macron. Por Romaric Godin

em Mundo

por franciscogtavares in 'A Viagem dos Argonautas'

Seleção e tradução de Francisco Tavares  Por Romaric Godin Publicado por  em 1 de julho de 2019 (ver aqui)   Com ou sem remodelação, o curso da política económica do final do quinquénio já está…
07, julho 2020

Aprender menos e ter melhores notas

em Portugal

por António Duarte

Os professores do ensino superior alertaram esta segunda-feira para o risco de os alunos que este ano fazem os exames nacionais terem melhores resultados, mas estarem pior preparados para frequentar as universidades e institutos politécnicos. No arranque…
07, julho 2020

PIRATARIA EM LONDRES COM O OURO DA VENEZUELA

em Mundo

por in 'O Lado Oculto'

2020-07-06 Gabriela Kuenhle*, America Latina en Movimiento/O Lado Oculto O direito nacional e internacional deixou de contar. O actual espectáculo legal montado no Tribunal de Comércio de Londres sobre as reservas de 30 toneladas de…
07, julho 2020

Governo autoriza pagamento aos bombeiros e liberta verba de quatro milhões

em Portugal

por ZAP in ZAP

Nuno André Ferreira / Lusa   O Governo anunciou, esta segunda-feira à tarde, que foi libertada a verba necessária para que a ANEPC possa cumprir as suas obrigações para com os bombeiros que integram o…
07, julho 2020

Portugal Temido | Contagem decrescente?

em Portugal

por Página Global

    Júlio Machado Vaz* | Jornal de Notícias | opinião Se o primeiro-ministro puxou as orelhas à ministra da Saúde, teria certamente razão". A candura menineira e risonha de Marta Temido enternece. Há nela…
07, julho 2020

Mais de 100 bispos em todo o mundo assinam manifesto contra os abusos das empresas na era Covid

em Mundo

por Rute Coelho

06/07/2020   No documento, os líderes católicos mundiais dizem que as empresas “irresponsáveis são cúmplices de atos de violência e sofrimento” e apelam a que os Estados “ponham termo a esta situação” O manifesto assinado…
07, julho 2020

Espanha dá passo atrás: Restringe 200 mil pessoas na Catalunha e 70 mil na Galiza

em Mundo

por ZAP in ZAP

(CC0/PD) OrnaW / Pixabay   O governo da Catalunha ordenou, este sábado, um novo confinamento de uma zona com 200.000 habitantes, nas proximidades de Mérida, no nordeste espanhol. Com a identificação de um novo surto…
07, julho 2020

Trump diz que 99% dos casos de covid-19 são “inofensivos”. FDA recusa-se a apoiar a afirmação

em Mundo

por ZAP in ZAP

O chefe da autoridade do medicamento norte-americana, FDA – Food and Drug Administration, Stephen Hahn, recusou-se a apoiar a alegação do Presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, de que 99% dos casos de covid-19…
07, julho 2020

Em 2019, procurador dos EUA revelou relacionamento clandestino e ilícito com Lava Jato

em Mundo

por Brasil24/7

  Em entrevista ao jornal Estadão em 11 de maio de 2019, o procurador do Departamento de Justiça dos EUA Daniel Kahn, chefe da área de investigação de corrupção fora dos EUA, revelou a existência…
07, julho 2020

Mais seis mortos e 232 casos de covid-19 em Portugal

em Portugal

por Página Global

    Portugal regista, esta segunda-feira, mais seis mortos associados à covid-19 e 232 novos casos de infeção, 195 dos quais na região de Lisboa e Vale do Tejo. Há mais 149 doentes recuperados.  …

Últimos posts (Cascais)

Itens com Pin
    Atividades Recentes
    Aqui ainda não existem atividades

    Últimos posts (País e Mundo)

    Itens com Pin
      Atividades Recentes
      • LEGALIZAÇÃO DAS CASAS DE PROSTITUIÇÃO

        Um debate que provavelmente vai ganhar dimensão.
        Legalização da prostituição - petição apresentada na A.R
        Gravação da reunião na Assembleia da República
        0
        0
        0
        0
        0
        0
        Publicação sobre moderação
        Item de fluxo publicado com sucesso. Item passa a ser visível no seu fluxo.
      • Homicidal Cops Caught On Police Radio
        #TheJimmyDoreShow
        Homicidal Cops Caught On Police Radio
        42 219 visualizações
        •05/06/2020
        0
        0
        0
        0
        0
        0
        Publicação sobre moderação
        Item de fluxo publicado com sucesso. Item passa a ser visível no seu fluxo.
      Aqui ainda não existem atividades
      LOGO4 vert01
      A Plataforma Cascais - movimento cívico é um grupo aberto de cidadãos, autónomo de quaisquer interesses económicos, religiosos ou partidários.
      Todas as publicações deste site refletem apenas as opiniões dos seus autores e não responsabilizam a PC-mc
      exceto quando expressamente assinadas por esta.
       

      SSL Certificate
      SSL Certificate