• Inicio
  • Artigos
  • Portugal
  • Diretor da Nova SBE tem exclusividade mas ganha 143 mil euros no Santander

Diretor da Nova SBE tem exclusividade mas ganha 143 mil euros no Santander

Direção da faculdade de Economia da Universidade Nova implica exclusividade mas Daniel Traça é administrador do Banco Santander, um dos mecenas da escola, tendo auferido 143 mil euros em 2019. Reitor permitiu acumulação, mas anuncia agora comissão para avaliar relação com patrocinadores.

Diretor da Nova SBE tem exclusividade mas ganha 143 mil euros no Santander
Paulo Spranger / Global Imagens
 
 

"O cargo de diretor é exercido em regime de dedicação exclusiva, sem prejuízo dos cargos que exerça por inerência." A norma consta do artigo 43º do Estatuto da Universidade Nova de Lisboa, mas o diretor da respetiva faculdade de Economia, denominada Nova SBE (School of Business and Economics), o economista Daniel Traça, é desde dezembro de 2018 administrador não executivo do banco Santander, um dos patrocinadores, ou "stakeholders" da escola. Aufere nessa qualidade um salário anual de 143 mil euros.

Isso mesmo está patente no relatório de contas de 2019 deste banco, na página 107, assim como o montante do crédito à habitação que tem contratado com a instituição, de 250 mil euros. Já na página 64 é possível consultar os cargos que detém nesta instituição bancária: aí o nome Daniel Abel Monteiro Palhares Traça consta, com a qualificação de "independente", como vogal não só do referido conselho de administração como da Comissão de Auditoria e do Comité de Riscos e do Comité de Remunerações, sendo ainda presidente do Comité de Nomeações. Mais difícil de encontrar é a remuneração que o mesmo economista aufere como diretor desta faculdade pública. O DN solicitou a Daniel Traça essa informação, mas até à publicação deste texto este não a forneceu. Um professor catedrático - que Traça é - em exclusividade ganha no máximo 5417,74 euros/mês, ou seja 75 848,36 euros anuais. Se o valor do seu salário como diretor da Nova SBE for dessa ordem de grandeza, corresponde a pouco mais de metade do que recebe no banco.

De acordo com o que foi comunicado ao Diário de Notícias pela Nova SBE em abril de 2019, através da mediação de uma agência de comunicação, a acumulação por Traça do cargo de diretor com o de administrador foi autorizada "após pedido de pareceres jurídico e do Conselho de Ética da Universidade e tendo sido salvaguardada a não conflitualidade de interesses." O teor do parecer ou pareceres, sobre o qual o jornal inquiriu, não foi revelado, nem a forma como se terá salvaguardado a "não conflitualidade". A faculdade sublinha no entanto que "a competência para a autorização é do Reitor da Universidade Nova de Lisboa."

Diretor da Nova SBE tem exclusividade mas ganha 143 mil euros no Santander

© Gustavo Bom / Global Imagens

Comissão para acabar com polémica?

Este é o catedrático em Filosofia João Sáàgua, que, tendo tomado posse em setembro de 2017, veio esta quarta-feira anunciar que a Nova SBE vai criar uma "comissão independente" para avaliar as suas relações com as empresas, em especial com os mecenas que ajudaram a financiar a construção das suas atuais instalações em Carcavelos e entre os quais se conta o Santander. De acordo com as declarações do reitor, trata-se de "uma forma de reforçar ainda mais a transparência das relações entre a escola pública e a esfera privada", e terá resultado de uma conversa entre o reitor, o diretor Daniel Traça e o presidente do conselho científico da faculdade, Miguel Ferreira.

Este anúncio surge após o estalar de uma polémica lançada por um artigo publicado a 2 de julho na revista Sábado no qual se revela que em maio o "conselho restrito de catedráticos" da faculdade - um órgão informal, que não conta dos estatutos da escola - deliberou, por proposta do vice reitor da universidade, José Ferreira Machado, que os professores da instituição que intervêm nos media não podem assinar como docentes dela "quando estiverem a dar a sua opinião".

Para Ferreira Machado (que foi administrador não executivo da EDP Renováveis até 2018), diz a Sábado, haveria "posições pessoais e políticas que estariam a ser assinadas no espaço público com o nome da faculdade, dificultando a gestão da marca."

Em causa nesta recomendação, segundo o artigo, estaria sobretudo a economista Susana Peralta, professora associada considerada "de esquerda" que assina uma coluna de opinião semanal no Público, aventando-se a hipótese de que os seus escritos sobre rendas excessivas da EDP e Galp e o contrato de venda do Novo Banco, tudo empresas mecenas do campus da escola, tivessem criado engulhos. Daniel Traça, que estava na reunião, terá mesmo admitido que recebera um telefonema de uma empresa com uma queixa mas que teria respondido que não se metia na liberdade de expressão dos professores. Ainda assim, à Sábado, Traça assumiu concordar com a deliberação: "É importante que os professores mantenham a sua independência, mas que a escola não seja associada à posição que cada professor toma."

Afinal pode haver conflitos de interesses

A controvérsia causada por estas revelações, no entanto, parece não só ter enterrado a deliberação - a direção da faculdade veio entretanto garantir que não existia nenhuma decisão e os professores podiam continuar a assinar como antes - como terá levado a Nova a pela primeira vez admitir a possibilidade de haver conflitos de interesse na relação da faculdade de Economia com os patrocinadores privados.

De facto, quando a partir de outubro de 2018 o DN inquiriu a reitoria da Nova sobre a possibilidade de existência desses conflitos de interesses, a propósito do facto de Miguel Ferreira, professor com a cátedra BPI e hoje presidente do conselho científico, ter feito uma série de vídeos, nos quais aparecia identificado como professor de finanças da Nova SBE, para uma campanha publicitária do BPI, e quis saber se existia um código de conduta atinente à relação com os patrocinadores, a resposta foi no sentido de que não havia qualquer problema.

A reitoria optou aliás por não responder às perguntas sobre se acreditava que as disposições e orientações existentes para acautelar eventuais conflitos de interesses eram as suficientes ou que seria preciso clarificar normas éticas, assim como sobre se o tipo de colaboração de académicos com empresas exemplificado no caso de Miguel Ferreira, implicando a utilização da respetiva imagem e do nome da universidade, tinha de ser objeto de algum pedido de autorização ou alguma comunicação superior, com análise dos conteúdos e, caso afirmativo, quem tinha autorizado a colaboração.

Curiosamente, ao mesmo tipo de questões a Nova SBE respondeu, em abril de 2019: "Perante a possibilidade de um eventual conflito de interesse são auscultados o Conselho de Ética da Universidade, ao qual cabe avaliar questões transversais à instituição, e a Comissão de Ética da Nova SBE, criada para avaliar todas as questões técnicas no âmbito das áreas de ensino da Faculdade. Ambos têm como missão promover a reflexão e contribuir para a definição de orientações, visando a consolidação de uma política de salvaguarda de princípios éticos e deontológicos."

A comissão de ética que nunca existiu

O DN não encontrou no site da Nova SBE nenhuma referência a uma comissão de ética; um professor da faculdade, que prefere não ser identificado, garantiu que não existe estatutariamente nenhuma comissão com essa designação.

O mesmo docente considera no entanto que um tal corpo é muito necessário e que a "comissão independente" agora anunciada pelo reitor e que segundo este terá de apresentar trabalho em setembro, teria, para ser eficaz, de determinar que todas as consultadorias da escola a empresas teriam de passar pelo crivo de um comité de ética, devendo ser interdito efetuar estudos para patrocinadores - recorde-se que a Nova SBE foi investigada pelo Ministério Público devido a um estudo efetuado para a EDP, do qual Miguel Ferreira é um dos autores e que concluiu que a empresa não fora beneficiada nos contratos de energia.

O professor da Nova SBE ouvido pelo DN com a condição de não ser identificado frisa ainda que os contratos de cátedra - ou seja, as condições de financiamento das empresas para emprestar o seu nome às ditas - devem ser públicos e que um diretor não deveria poder acumular com a um cargo remunerado na administração de um banco, patrocinador ou não.

Certo é que quando o DN solicitou à Nova SBE a consulta dos referidos contratos, esta não respondeu sequer à solicitação, não apresentando qualquer justificação para que os mesmo não sejam públicos - ao contrário do que se passa nas universidades americanas, garante o professor catedrático Nuno Garoupa, que desde 2015 leciona nos EUA. De acordo com Garoupa, a existência de patrocínios de empresas às instituições do ensino superior implica códigos de ética e conduta muito detalhados, que interditam por exemplo relação direta entre o professor que ocupa a cátedra e o mecenas.

Ouvido pelo DN em 2018, Miguel Ferreira admitiu que as "parcerias" da Nova SBE "têm vários potenciais conflitos de interesses aos quais é preciso dar atenção" e que "os financiamentos contêm uma área cinzenta", concluindo: "Honestamente talvez tenha mais cuidado no futuro porque acho que temos de pensar sobre estas questões. Devíamos desenvolver códigos. Pagamos aqui na Nova SBE um pouco o preço de estar à frente e é preciso definir de forma clara o que se pode e não se pode fazer." Apesar de ter ascendido em 2019 a vice presidente do Conselho da Faculdade e a presidente do Conselho Científico, o catedrático não terá no entanto, até agora, envidado esforços para desenvolver os códigos que reconheceu ao DN serem necessários.

No seu Facebook, a cientista Joana Gonçalves de Sá, que entre 2018 e final de junho foi professora associada da Nova SBE, onde foi coordenadora do grupo de investigação em Data Science & Policy, e está agora no Instituto Superior Técnico, escreveu, referindo declarações de Miguel Ferreira publicadas no DN: "Que seja assumido, com tal candura, um gritante conflito de interesses e que toda a escola fique calada mostra como, de facto, é fundamental um código de conduta claro e uma comissão de ética que avalie não só projectos de investigação mas também actividades de consultoria e todas as situações passíveis de conflito de interesses. O que a Nova SBE fez é admirável a vários níveis e a única forma de não o manchar (mais) é criar estas estruturas de governança e guias éticas para ontem. Que professores assinem crónicas polémicas é o menor dos problemas de imagem que a escola pode ter."

De acordo com informação prestada pela Nova SBE, o financiamento da faculdade em 2019 proveio em mais de metade (54%) da receita de propinas. 23% foi assegurado pelo Orçamento do Estado, 14% do financiamento público de investigação e outros e 9% de projetos com empresas e instituições.

 

 

 
 

Artigos relacionados

Ministro do Ensino Superior “lamenta” e “repudia” praxes em tempo de pandemia
Ministro do Ensino Superior “lamenta” e “repudia” praxes em tempo de pandemia Hugo Delgado / Lusa   O ministro da Ciência e do Ensino Superior, Manuel Heitor, “lamenta e repudia as decisões associadas a praxes académicas”, que determinam que, caso as aulas presenciais sejam retomada... 18 views Thu, 06 Aug 2020,
Mil trabalhadores não-docentes dispensados
Mil trabalhadores não-docentes dispensados A Federação Nacional dos Sindicatos dos Trabalhadores em Funções Públicas e Sociais protestou contra a precariedade da escola e pela defesa de cerca de mil trabalhadores não docentes que vão ser dispensados. A ma... 24 views Wed, 05 Aug 2020,
Famílias já podem levantar vales para manuais escolares dos anos de continuidade
Famílias já podem levantar vales para manuais escolares dos anos de continuidade Mário Cruz / Lusa   Os vales para levantar os novos manuais escolares para o próximo ano letivo começaram a ser emitidos esta segunda-feira, mas apenas para os alunos que entram para anos de continuidade. ... 11 views Tue, 04 Aug 2020,
Tal como se esperava!
Tal como se esperava! As notas da 1.ª fase dos exames nacionais do ensino secundário melhoraram em praticamente todas as matérias. As médias sobem até 3,3 valores em disciplinas como Biologia e Geologia, a prova que teve mais inscritos ... 27 views Mon, 03 Aug 2020,
Trará a pandemia a formação contínua de professores de volta?
Trará a pandemia a formação contínua de professores de volta? Alexandra Vieira* - 15/07/2020   A formação contínua de professores está consignada no Estatuto da Carreira Docente (ECD) e, até há cerca de uma década, permitia que... 76 views Wed, 15 Jul 2020,
Como será a escola em Setembro
Como será a escola em Setembro A porta está bem aberta para que o #EstudoEmCasa possa regressar em Setembro: a RTP diz que está “absolutamente disponível” e à espera de indicações e no Ministério da Educação estão a preparar-... 124 views Wed, 15 Jul 2020,

Comentários (0)

Rated 0 out of 5 based on 0 voters
There are no comments posted here yet

Deixe os seus comentários

  1. Posting comment as a guest. Sign up or login to your account.
Rate this post:
0 Characters
Anexos (0 / 5)
Share Your Location

Município de Cascais, Educação

  • Criado em .
  • Visualizações: 146
Diretor da Nova SBE tem exclusividade mas ganha 143 mil euros no Santander
Note 0 sur 5 Pour 0 votes

Publicações mais recentes

Filtrar por categoria
12, agosto 2020

Medusas deixam praias de Cascais e concentram-se no Magoito

em Cascais

por CASCAIS24

SEGURANÇA Por Redação 12 agosto 2020 A interdição a banhos nas praias de São Pedro do Estoril e de Carcavelos foi levantada esta quarta-feira, à tarde, com o içar da Bandeira Verde, disse, a Cascais24,…
12, agosto 2020

Mordeu GNR à civil que lhe travou fuga depois de furto em supermercado

em Cascais

por CASCAIS24

SEGURANÇA Por VALDEMAR PINHEIRO 12 agosto 2020 Um militar da GNR, à civil, 41 anos, foi mordido no antebraço esquerdo ao travar, esta terça-feira, ao final da tarde, a fuga de um homem suspeito de…
12, agosto 2020

A pandemia é um bom negócio para os multimilionários nos Estados Unidos

em Mundo

por AbrilAbril

Entre 18 de Março e 5 de Agosto, a riqueza total dos multimilionários norte-americanos aumentou 685 mil milhões de dólares, revelou a actualização do relatório emitido pelo organismo inequality.org. Cartaz colado na baixa de Seattle,…
12, agosto 2020

George Soros, o inimigo número 1 extrema direita na Hungria

em Mundo

por Página Global

      Bilionário e filantropo nascido no país europeu completa 90 anos como protagonista de uma enxurrada de teorias da conspiração e histórias inventadas e disseminadas pelo governo conservador de Viktor Orbán. Ele seria…
12, agosto 2020

Rússia registrou a primeira vacina contra Covid-19

em Mundo

por Jornal Tornado in 'O TORNADO'

O anúncio feito por Vladimir Putin de que a Rússia registrou a primeira vacina contra Covid-19 é o principal destaque da análise internacional de Ana Prestes. Outros temas são o impasse que vai se formando…
11, agosto 2020

Medusas interditam banhos nas praias de São Pedro do Estoril e Carcavelos

em Cascais

por CASCAIS24

SEGURANÇA Por Redação 11 agosto 2020 Os banhos nas praias de São Pedro do Estoril e de Carcavelos foram interditados esta terça-feira, à tarde, com o hastear da Bandeira Vermelha, devido ao aparecimento de medusas…
11, agosto 2020

Enfermeiros exigem fim das PPP

em Portugal

por AbrilAbril

Os enfermeiros criticam as parcerias público-privado (PPP), em particular no Hospital Beatriz Ângelo, onde «a exploração é evidente». Está agendada uma concentração para esta quarta-feira. Créditos / Zap.aeiou Delegações da Direcção Regional de Lisboa do Sindicato dos…
11, agosto 2020

Mais de 20 países pediram mil milhões de doses da vacina russa contra a Covid-19

em Mundo

por AbrilAbril

Vladimir Putin anunciou esta terça-feira que o seu país registou a primeira vacina do mundo contra o coronavírus. O Fundo de Investimento Directo da Rússia já recebeu pedidos de duas dezenas de países. CréditosJeff Pachoud…
11, agosto 2020

Há “100 mil empregos” em risco nas lojas de rua e centros comerciais

em Portugal

por ZAP in ZAP

Fran Simó / Flickr   A Associação de Marcas de Retalho e Restauração (AMRR) revelou que há 100 mil postos de trabalho em risco devido ao impacto que a pandemia está a ter no setor…
11, agosto 2020

Números desmascaram propaganda dos CTT 

em Portugal

por AbrilAbril

Recentemente, a empresa anunciou a contratação de mais de 800 trabalhadores desde Abril. Mas o que as contas do primeiro semestre revelam é que há menos 500 desde Junho de 2019. CréditosInácio Rosa / Agência…
11, agosto 2020

Em memória de Jean Seberg

em Mundo

por Vitor Dias in "O Tempo das Cerejas"

O longo cadastro do FBI       ler aqui   Ver original em "O Tempo das Cerejas" (aqui)
11, agosto 2020

saiam da frente, que chegou a vez dos bloggers!

em Mundo

por Dois Dedos de Conversa

   Diz o JN (no artigo de onde trouxe a foto que está creditada: DR): "O Governo brasileiro nomeou a "blogger" de turismo Monique Baptista Aguiar para um cargo de coordenação da Fundação Nacional de…
11, agosto 2020

Governo libanês demite-se mas milhares continuam nas ruas

em Mundo

por AbrilAbril

Com o anúncio de Hassan Diab, milhares vieram para as ruas de Beirute exigir mais, uma mudança de raiz num sistema político que caracterizam como corrupto, incapaz e dominado pelos interesses de elites. Zona portuária…
11, agosto 2020

Rússia recebe pedidos de mais de 20 países para 1 bilhão de doses da vacina contra COVID-19

em Mundo

por in 'Sputnik Brasil'

Testes clínicos da vacina russa contra CODID-19 serão feitos em breve nos Emirados Árabes Unidos, na Arábia Saudita e nas Filipinas, enquanto Cuba deverá começar a produzir o medicamento em novembro. Ao todo, a Rússia…
11, agosto 2020

China inclui Portugal em lista de países que podem pedir visto

em Portugal

por Lusa in ZAP

Holiday Gems / Flickr   Cidadãos portugueses que possuem autorização de residência na China, por motivos de trabalho ou de reunião familiar, podem a partir de agora solicitar visto para voltarem a entrar no país…
11, agosto 2020

Manuel Luís Goucha defende Olav Bilac: “Trabalho é trabalho”

em Portugal

por Diana Carvalho

(Um comentário sobre esta notícia: É uma "natural" defesa do mercenarismo cultural. É compreensível que os mercenários (seja em que área for) queiram ver o seu negócio sob proteção ética. Só assim podem aumentar os…
11, agosto 2020

Vocês têm sido uma representação digna do Sistema de Saúde de Cuba

em Mundo

por Abril de Novo Magazine

Em nome do primeiro secretário do Comité Central do Partido Comunista de Cuba, general-de-exército Raúl Castro Ruz; do presidente da República, Miguel Díaz-Canel Bermúdez; do governo e do povo cubanos, o primeiro-ministro transmitiu a todos…
11, agosto 2020

Deputado do PCP arrasa críticas de Marques Mendes sobre festa do Avante

em Portugal

por ZAP in ZAP

Miguel A. Lopes / Lusa   O deputado comunista António Filipe reagiu, esta segunda-feira, às críticas do ex-líder do PSD, Luís Marques Mendes, sobre a realização da festa do Avante!.   Este domingo, no seu…
11, agosto 2020

OMS desiludida. Faltam pelo menos 90 mil milhões para investigação da vacina

em Mundo

por ZAP in ZAP

unisgeneva / Flickr   O diretor da Organização Mundial de Saúde (OMS) afirmou, esta segunda-feira,  estar desiludido com a resposta global no combate à pandemia de covid-19. O responsável disse que faltam pelo menos 90 mil…
11, agosto 2020

Editorial proibido: vacina Sputnik como salvadora da parceria global

em Mundo

por in 'Sputnik Brasil'

Este artigo de opinião, que conta a história por trás da criação da vacina russa contra a COVID-19 e enfatiza o desejo da Rússia de cooperar com a comunidade internacional. Contudo, tal editorial foi rejeitado…
11, agosto 2020

Portugal é um dos cinco países da Europa onde a pandemia está a recuar

em Portugal

por ZAP in ZAP

Maxim Shipenkov / EPA   Portugal é um dos cinco países da Europa onde a pandemia está a recuar, de acordo com o mais recente relatório do Centro Europeu de Controlo e Prevenção de Doenças…
11, agosto 2020

Ryanair desregulou escalas dos trabalhadores que rejeitaram cortes em Portugal

em Portugal

por ZAP in ZAP

johnc24 / Flickr   A Ryanair desregulou o regime de escalas habitual à “pequena minoria” de trabalhadores que recusou os cortes da empresa na sequência da pandemia de covid-19, retirando-lhes qualquer direito a bónus, segundo…
11, agosto 2020

Dois agentes da PSP detidos em flagrante por tráfico de cocaína escondida em contentores de bananas

em Portugal

por ZAP in ZAP

PJ / Facebook   As autoridades portuguesas detiveram em flagrante quatro cidadãos nacionais por tráfico de droga, dois dos quais eram agentes da PSP em Faro.   Fonte do gabinete de relações públicas da PSP…
11, agosto 2020

Para o desemprego não subsidiado

em Mundo

por Vitor Dias in "O Tempo das Cerejas"

Como está em espanhol não é cá   aqui em «El País»   Ver original em "O Tempo das Cerejas" (aqui)

Últimos posts (Conversando à beira-mar)

Itens com Pin
Atividades Recentes
  • LEGALIZAÇÃO DAS CASAS DE PROSTITUIÇÃO

    Um debate que provavelmente vai ganhar dimensão.
    Legalização da prostituição - petição apresentada na A.R
    Gravação da reunião na Assembleia da República
    0
    0
    0
    0
    0
    0
    Publicação sobre moderação
    Item de fluxo publicado com sucesso. Item passa a ser visível no seu fluxo.
  • Homicidal Cops Caught On Police Radio
    #TheJimmyDoreShow
    Homicidal Cops Caught On Police Radio
    42 219 visualizações
    •05/06/2020
    0
    0
    0
    0
    0
    0
    Publicação sobre moderação
    Item de fluxo publicado com sucesso. Item passa a ser visível no seu fluxo.
Aqui ainda não existem atividades

página no Facebook

[an error occurred while processing this directive]
LOGO4 vert01
A Plataforma Cascais - movimento cívico é um grupo aberto de cidadãos, autónomo de quaisquer interesses económicos, religiosos ou partidários.
Todas as publicações deste site refletem apenas as opiniões dos seus autores e não responsabilizam a PC-mc
exceto quando expressamente assinadas por esta.
 

SSL Certificate
SSL Certificate