• Página Global

Cabo Verde | Praia: Polícia regista 15 assaltos à mão armada no fim-de-semana


Pelo menos 15 furtos e roubos com assaltos à mão armada e violência contra pessoas foram denunciados junto da Polícia Nacional entre sexta e segunda-feira,11, na Praia. Os assaltantes têm apoderado sobretudo de telemóveis – alguns com preços de até 199 mil euros - e um fio de ouro avaliado em 300 contos.

Estes dados constam de um comunicado da DN da PN remetido a este jornal – ficam no entanto de fora inúmeros outros assaltos com roubos e furtos à mão armada e ferimentos graves com arma branca (faca e machim) que não chegaram às autoridades policiais, mas que circulam nas redes sociais.

Conforme o comunicado, das 15 ocorrências registadas pela PN entre 8 e 11 deste mês, maioria das quais aconteceu na Achada de Santo António . A Esquadro local contabilizou 7 assaltos denunciados – aconteceram nas proximidades da praceta do BCA, do Restaurante Comenta e em Quebra Canela, bem como na Terra Branca (três casos) e em Tira Chapéu. De entre outros produtos roubados, o destaque vai para vários telemóveis – um no valor de 70 contos, outro em 199 mil euros - e um fio de ouro com uma concha avaliado em 300 contos. Isto sem contar com vários valores em dinheiro.


A fazer fé na mesma fonte, na Esquadra da Fazenda, principalmente em Achadinha, Moinho, Castelão e Ponta d’Água, é a área que vem logo a seguir em termos de números de assaltos – um total cinco casos foi contabilizados pela Polícia Nacional. Já na Esquadra de Eugénio Lima registou-se dois assaltos e na de Palmarejo cadastrou-se um caso. Além de telemóveis, a PN registou furtos de objectos sagrados e certa quantia em dinheiro pertencentes à Igreja de Nova Apostólica na Fazenda e pessoas assaltadas.

O comunicado referido revela também que em S. Vicente registou-se, no mesmo período, dois casos: um roubo, na Bela Vista, de cinco mil escudos com um molho de chave em via pública e um outro na Ribeira Bote, em que o suposto gatuno apoderou de pouca quantia em dinheiro e alguns documentos do(s) assaltado (s).

Entretanto, o governo, através do Conselheiro de Segurança Nacional e Primeiro-ministro (ver este jornal) já anunciou as 14 medidas a serem implementadas para combater a insegurança que se vive nos últimos 60 dias na Praia. A Oposição, através do líder parlamentar Rui Semedo, já reagiu, afirmando que esta posição do governo «é sinal de que a situação é grave».

Ver o original em 'Página Global' na seguinte ligação:

https://paginaglobal.blogspot.com/2019/11/cabo-verde-praia-policia-regista-15.html

  • Criado em .

Comentários (0)

There are no comments posted here yet

Deixe os seus comentários

  1. Posting comment as a guest. Sign up or login to your account.
0 Characters
Anexos (0 / 5)
Share Your Location

Últimos posts

Itens com Pin
Atividades Recentes
  • Vasco Graça updated his profile
    Publicação sobre moderação
    Item de fluxo publicado com sucesso. Item passa a ser visível no seu fluxo.
Aqui ainda não existem atividades
LOGO4 vert01
A Plataforma Cascais - movimento cívico é um grupo aberto de cidadãos, autónomo de quaisquer interesses económicos, religiosos ou partidários.
Todas as publicações deste site refletem apenas as opiniões dos seus autores e não responsabilizam a PC-mc
exceto quando expressamente assinadas por esta.
 

SSL Certificate
SSL Certificate