• Ladrões de Bicicletas (Nuno Serra)

Vulnerabilidades: pensar um país frágil

«Há coisas que custa invocar quando a vida está tão convulsa. Dizem-me, não confirmei, que há prateleiras cheias de meios-sapatos nas nossas zonas onde esta indústria se localiza. Sempre foi estúpido montar sapatos onde antes se sabia fazer tudo, mandando agora vir de muito longe algumas partes que aqui se produziam.
Há 35 anos estudei a indústria metalomecânica de Águeda e a das bicicletas em particular. Tratava-se de um caso notável de um “sistema produtivo local”: aberto, mas autocentrado em culturas técnicas e na organização, no próprio território, das inter-relações essenciais, que articulavam vários setores e ramos de atividade. Dez anos depois voltei lá. (...) Já não se produziam bicicletas, montavam-se bicicletas. É hoje claro para todos que, para além de estúpido, isto é perigoso.
(...) Há relações que têm de ser desenvolvidas num quadro preciso, fiável e articulado. Não sob o ímpeto de transações sem lugar nem rosto. Para que o mundo se organize todo assim, e não como se fosse plano. Não há economia sem quem a realiza nem sem aqueles a quem ela se destina, no momento da repartição e da geração de bem-estar. A economia usa os mercados, não é os mercados.
(...) Uma economia é um sistema de produção e de provisão de bem-estar. Não sendo uma simples plataforma de transações, a economia mede-se pelo valor que cria, pela estrutura produtiva que adota, pelas capacidades que desenvolve, pelo nível de autossuficiência que garante, pela dependência face ao exterior que evita. É sujeito e objeto da economia política. Deve haver planeamento, intervenção e organização públicas para satisfazer necessidades e servir a comunidade. É um lugar para fazer e para aprender. Não para se perder nas linhas abstratas de um mapa sem territórios. Aprendemos que é possível parar. Aprendamos que é possível e necessário decidir em nome do povo!»

Excertos do artigo de José Reis, hoje no Público, que merece ser lido na íntegra (aqui). A enunciação de um conjunto de princípios muito importante, para repensar efetivamente o futuro, depois do agora.

 

Ver original em 'Ladrões de Bicicletas' (aqui)

Artigos relacionados

Fins
Fins Confirma-se que é hoje mais fácil pensar o fim da esquerda neste continente do que o fim da UE, do que o fim desta forma... 1 views Mon, 30 Nov -1, 00:00:00
O presidente dos portuenses que é “amigo” do presidente dos portistas ...
O presidente dos portuenses que é “amigo” do presidente dos portistas ... (Pedro Candeias, in Expresso Diário, 28/05/2020) Durante anos, duas vezes por ano nos anos antes de Cristo, celebravam... 1 views Mon, 30 Nov -1, 00:00:00
EUA | São Francisco: uma cidade de desigualdades
EUA | São Francisco: uma cidade de desigualdades A cidade que se esvai São Francisco, em tempos um pilar do tech-capitalism e actualmente a segunda cidade mais car... 1 views Mon, 30 Nov -1, 00:00:00
Covid-19: curva continua em trajectória ascendente em África, há 4200 ...
Covid-19: curva continua em trajectória ascendente em África, há 4200 ... Saiba sobre a situação nos PALOP Parte deste crescimento é justificado pelo aumento do número de testes realizad... 1 views Mon, 30 Nov -1, 00:00:00
Guiné-Bissau | Ordem dos Advogados critica silêncio sobre ataque a dep...
Guiné-Bissau | Ordem dos Advogados critica silêncio sobre ataque a dep... A Ordem dos Advogados da Guiné-Bissau criticou, esta terça-feira, a "indiferença" do Presidente e do primeiro-minis... 1 views Mon, 30 Nov -1, 00:00:00
Moçambique | Julgamento das dívidas ocultas em Londres: "É assim que a...
Moçambique | Julgamento das dívidas ocultas em Londres: "É assim que a... Em Londres, decorrem as audições do caso ligado às "dívidas ocultas". Privinvest tenta arbitragem para se livrar. ... 1 views Mon, 30 Nov -1, 00:00:00
  • Criado em .

Comentários (0)

There are no comments posted here yet

Deixe os seus comentários

  1. Posting comment as a guest. Sign up or login to your account.
0 Characters
Anexos (0 / 5)
Share Your Location

Publicações mais recentes

Últimos posts (Cascais)

Itens com Pin
Atividades Recentes
Aqui ainda não existem atividades

Últimos posts (País e Mundo)

Itens com Pin
Atividades Recentes
  • Plataforma Cascais juntou-se ao grupo Conversando sobre o País e o Mundo
    Publicação sobre moderação
    Item de fluxo publicado com sucesso. Item passa a ser visível no seu fluxo.
Aqui ainda não existem atividades
LOGO4 vert01
A Plataforma Cascais - movimento cívico é um grupo aberto de cidadãos, autónomo de quaisquer interesses económicos, religiosos ou partidários.
Todas as publicações deste site refletem apenas as opiniões dos seus autores e não responsabilizam a PC-mc
exceto quando expressamente assinadas por esta.
 

SSL Certificate
SSL Certificate