• Ladrões de Bicicletas (Nuno Serra)

Amanhã, na Fundação José Saramago


Advogado uruguaio, presidente do Frente Amplio de Uruguay e candidato à presidência da República, Javier Miranda fará uma análise política sobre a situação atual do Uruguai no contexto da América Latina. Organizada pelo Centro de Estudos Sociais e pela Fundação José Saramago, a sessão tem lugar no auditório da Fundação José Saramago, em Lisboa, a partir das 18h30. Estão todos convidados, apareçam.

Ver original em 'Ladrões de Bicicletas' (aqui)

  • Criado em .
  • As palavras são armas

Uma pedra/twitter no charco

image
A República Popular Democrática da Coreia, dizem, é um país fechado, que ninguém conhece mas que todos devem vilipendiar; e se um turista a elogia, afiançando que se movimentou livremente, os que afirmam nada saber da Coreia do Norte, como gostam de a apelidar, desmentem-no convictamente. dizendo que foi enganado. Desse país, está estipulado, ninguém pode dizer bem.
Claude Béglé  PDC Vaud – Parti Démocrate Chrétien, Conseiller national, Dr Economie, M Droit, M Sc Pol. Président SymbioSwiss, ex-Président La Poste, Exec vice-prés DHL, DPD, TNT, Ph.Morris, Nestlé, CICR, DDC.
E de repente, sábado, por volta do meio-dia, a twittosfera helvética descobre o relato de viagem do conselheiro municipal Claude Béglé na Coreia do Norte, relato embelezado com fotos.
Em visita particular à Coreia do Norte, Claude Béglé dirigente do PDC-Vaud(Partido Democrata-Cristão) teceu rasgados elogios nas redes sociais, nomeadamente no twitter, ao que em liberdade lhe foi dado ver, no país de Kim Jong-un. O que surpreendeu os democratas-cristãos em ano de eleições.
Em três páginas publicadas no twitter (podem ir ver) e no Facebook, o político explicou que foi à Coreia do Norte "para tentar compreender, sem preconceitos e com meus próprios olhos o que lá se passa".

«Fábrica modelo de têxtil e tecelagem de seda. Os operários com uma piscina própria, dormitórios e uma bela cafetaria, e sobretudo a possibilidade de se aperfeiçoarem, sendo a formação continua a chave do desenvolvimento do...

Continuar a ler

  • Criado em .
  • A.Teixeira in 'Herdeiro de Aécio'

TUDO PREPARADO PARA UMA EVENTUAL «INTERPELAÇÃO» POR PARTE DA ASSISTÊNCIA...

Comecemos pelo que desconheço: quem foi o autor da fotografia, a data e o local precisos em que ela foi tirada. Mas o que se pode saber a seu respeito compensa. A começar pela identidade da figura em destaque, Bülent Ecevit (1925-2006), que foi primeiro-ministro da Turquia por quatro vezes (1974, 1977, 1978-79 e 1999-2002), nunca por muito tempo, que a política turca sempre teve idiossincrasias. O que dá valor à fotografia é evidenciá-las: um instantâneo de foto-jornalismo mostra Ecevit a subir para um estrado sobreelevado onde irá ser a figura de relevo de um comício eleitoral. Porém, o autor da foto preferiu eleger uma outra figura, sobrepondo-se ao orador, ainda ele não começou a falar: a pistola-metralhadora MP5 que é empunhada por um dos membros da sua segurança, dedo encostado ao gatilho, não se dê o caso de haver uma «interpelação» mais «veemente» da assistência. Sem ser preciso mais nada, apenas pelo poder da imagem, fica a sugestão que a política turca, que vai buscar muitas das suas características à herança helenística, não deve neste caso concreto grande coisa a Demóstenes. Erdoğan comprova-o.
 
 

http://herdeirodeaecio.blogspot.com/2019/07/tudo-preparado-para-uma-eventual.html

  • Criado em .
  • José Sócrates in 'O TORNADO'

José Sócrates desmente Observador

Breve comentário a uma notícia publicada dia 22, no jornal online Observador.

  1. A reportagem do observador é exatamente o que parece- mais uma lamentável intriga oriunda da antiga casa civil do presidente Cavaco Silva.
  2. O objetivo é tentar ligar o meu nome – e a aprovação do decreto lei que criou o museu Berardo no CCB – aos empréstimos  que lhe foram concedidos pela Caixa Geral de Depósitos. Mais uma vez, nada há de verdade nessa insinuação.
  3. Como é falsa também a chamada “ coincidência de timing” entre a aprovação do decreto lei e a concessão de créditos da caixa ao senhor José Berardo para comprar ações no BCP. A primeira é de 2006, o contrato de crédito é de 2007.
  4. É igualmente falso que fosse “normal” – como é referido no texto – que os pareceres internos da casa civil fossem entregues no meu gabinete. Os pareceres internos da casa civil servem para aconselhar o Presidente, não o Governo. O que aconteceu neste caso foi que o governo aprovou um decreto-lei que permitiu expor a melhor coleção de arte moderna existente no Pais, aumentando a oferta cultural. O Presidente decidiu promulgar esse decreto, podendo não o fazer.
  5. Finalmente não resisto a citar um breve trecho da reportagem. Diz o jornalista : “ O desagrado de Cavaco Silva com o desequilíbrio do acordo negociado pelo Governo Sócrates era tal que, a propósito de uma capa que a  revista norte americana fez na mesma altura com o multimilionário Warren Buffet chegou a...

Continuar a ler

  • Criado em .
  • Página Global

Irão anuncia prisão de 17 espiões dos EUA


Autoridades do país dizem que os detidos são iranianos que trabalhavam para a CIA e que alguns foram condenados à morte. Anúncio ocorre semanas após Teerão afirmar que desmantelou rede de espionagem cibernética.

O Irão anunciou nesta segunda-feira (22/07) a prisão de 17 iranianos que estariam trabalhando como espiões para a CIA, a agência de inteligência dos Estados Unidos, e informou que alguns deles foram condenados à morte.

O chefe de espionagem do Ministério de Inteligência do Irão, cujo nome não é conhecido publicamente, disse que aqueles que "haviam colaborado consciente e deliberadamente" com a CIA foram entregues ao Poder Judiciário e condenados à morte ou a "longas" penas de prisão.

Alguns dos detidos, contudo, interagiram com a inteligência iraniana "com total honestidade e tiveram provado seu arrependimento", segundo o chefe de espionagem, e foram então usados para obter informações dos EUA.


Numa declaração lida pela televisão estatal iraniana, o ministro da Inteligência disse que os 17 espiões foram presos durante o ano do calendário iraniano que terminou em março de 2019. "Os espiões identificados eram empregados em centros sensíveis e vitais", disse o ministro, acrescentando que estes se encontravam nas áreas de economia, nuclear, infraestrutura, militar e cibernética. Os 17 presos não estariam em contato entre si, mas cada um se comunicava com um agente da CIA.

A CIA teria abordado os iranianos em conferências científicas realizadas na...

Continuar a ler

  • Criado em .
  • Página Global

Timor-Leste e Indonésia chegam a acordo para definição de fronteira terrestre


Díli, 23 jul 2019 (Lusa) -- Os Governos de Timor-Leste e da Indonésia chegaram a acordo sobre a definição de dois troços da fronteira terrestre entre os dois países, acordando continuar a negociar para a delimitação permanente das fronteiras marítimas.

O acordo foi alcançado num encontro entre o ministro Coordenador dos Assuntos Políticos, Jurídicos e de Segurança indonésio, Wiranto, e o negociador de Timor-Leste para fronteiras, Xanana Gusmão.

"Chegámos a acordo para a delimitação das secções não resolvidas da fronteira terrestrel, nomeadamente em Noel Besi-Citrana e em Bidjael Sunan-Oben", disse Wiranto, citado pela imprensa indonésia, depois da reunião que decorreu em Jacarta.

Wiranto destacou o bom clima de negociação e a "abordagem fraterna" que permitiu alcançar um acordo que é bom para ambas as partes.

Por seu lado, Xanana Gusmão também saudou o acordo alcançado, mostrando-se convicto que as negociações sobre as fronteiras marítimas decorrerão no mesmo ambiente de cooperação.

Xanana Gusmão liderou em nome de Timor-Leste as negociações com a Austrália para a delimitação permanente das fronteiras marítimas, tendo o Governo timorense mantido vários encontros com Jacarta sobre as fronteiras terrestres e marítimas entre os dois países.

ASP // FST

Ver o original em 'Página Global' na seguinte ligação:

https://paginaglobal.blogspot.com/2019/07/timor-leste-e-indonesia-chegam-acordo.html

Continuar a ler

  • Criado em .
  • Página Global

Beijing Capital Airlines inaugura voo Lisboa-Xi'an-Pequim no final de agosto


Lisboa, 22 jul 2019 (Lusa) - A Beijing Capital Airlines inaugura em 30 de agosto a ligação entre Lisboa-Xi'an-Pequim, uma rota aérea que, segundo o secretário de Estado da Internacionalização, Eurico Brilhante Dias, resultou do esforço diplomático entre os dois países.

"A nova rota vai permitir que não só turistas, mas também empresários, investigadores, professores e estudantes universitários encontrem forma de ir de um território para o outro", disse o governante, durante a cerimónia oficial de inauguração da rota, que decorreu hoje em Lisboa.

A nova rota, anunciada no mês passado por fonte da empresa à agência Lusa, arrancará com três frequências semanais a partir de dia 30 de agosto e vai substituir a ligação direta entre Hangzhou, costa leste da China, e Lisboa, com paragem em Pequim, suspensa em outubro do ano passado. Será operada por aviões Airbus A330, com capacidade máxima para 440 passageiros.


Durante a cerimónia de hoje, o presidente do Turismo de Portugal, Luís Araújo, destacou igualmente a importância da parceria Portugal-China, lembrando que em 2019 se celebrará o 40.º aniversário do estabelecimento oficial de ligações diplomáticas entre os dois países.

Recordou também que em 2018 Portugal recebeu mais de 315 mil turistas chineses, num crescimento médio anual nos últimos três anos de 25%, o que motiva a manter uma relação "cada vez mais próxima" com a China e todos os parceiros.

Luís Araújo citou ainda os números recentemente divulgados pelo...

Continuar a ler

  • Criado em .
  • Página Global

Funcionários Públicos de Macau elogiam candidato a chefe do Executivo

 
 
Macau, China, 22 jul 2019 (Lusa) - A Associação dos Trabalhadores da Função Pública de Macau (ATFPM) considerou hoje que Ho Iat Seng, candidato a chefe do Executivo, não está "amarrado" a outros interesses e, por isso, tem condições para fazer um bom trabalho.
 
De manhã, Ho Iat Seng visitou a Associação dos Trabalhadores da Função Pública de Macau (ATFPM), presidida pelo deputado José Pereira Coutinho, que disse "estar muito otimista com este chefe do Executivo por ele não estar tão amarrado como os outros estavam aos interesses" do território.
 
"Estou mais preocupado com a equipa [governativa] do que com ele, que é uma pessoa honesta nas suas intenções, mas, muitas vezes, poderá não estar rodeado das melhores pessoas para encontrar as melhores soluções para resolver os problemas", disse aos jornalistas no final do encontro.
 
"A capacidade de boa governação, a transparência, o combate a corrupção, tudo isto tem a ver com a equipa [governativa] dele", destacou o também conselheiro das comunidades portuguesas, que foi candidato nas últimas legislativas ao parlamento português pelo partido Nós, num dos círculos da emigração.
 
 

Para Pereira Coutinho, é preciso "dar algum tempo ao próximo chefe do Executivo para escolher os secretários", que integram a equipa governativa.
 
"Temos o Governo central a apoiar o chefe do Executivo, é dos mais fortes para tentar pôr as coisas em ordem, para sacudir a corrupção, para...

Continuar a ler

  • Criado em .
  • Página Global

Exército chinês realiza exercícios antiterrorismo perto de Hong Kong


Pequim, 22 jul 2019 (Lusa) - O exército chinês anunciou hoje que realizou exercícios antiterrorismo na província de Guangdong, que faz fronteira com Hong Kong, um dia após manifestantes terem atacado o edifício do Gabinete de Ligação do Governo central na região semiautónoma.

A 74.ª Brigada do Exército de Libertação Popular não refere no comunicado os protestos em Hong Kong, mas o analista militar e oficial aposentado Yue Gang disse que os exercícios mostram que as tropas estão prontas para intervir no território.

Os manifestantes grafitaram e lançaram ovos contra a fachada do edifício do Gabinete de Ligação, no domingo, quando quase meio milhão de pessoas desfilou nas ruas de Hong Kong contra as emendas na lei da extradição e a exigir um inquérito independente sobre a atuação da polícia em manifestações anteriores.

O ataque danificou o emblema nacional da China, que está pendurado na frente do prédio, ao manchá-lo com tinta preta. O emblema foi substituído por um novo em poucas horas.

O Global Times, jornal oficial do Partido Comunista Chinês, informou que o exercício, realizado na cidade de Zhanjiang, simulou uma resposta para uma onda de violência ou terrorismo.

A contestação nas ruas, que dura há sete semanas, foi iniciada contra um projeto de lei que permitiria extradição para o continente chinês.

A proposta foi, entretanto, suspensa, mas as manifestações generalizaram-se e são agora contra o que os manifestantes afirmam ser uma "erosão das liberdades"

Continuar a ler

  • Criado em .
  • Página Global

Os Irmãos Muçulmanos membros do Conselho de Segurança Nacional da Casa Branca

 
 
Thierry Meyssan*
 
Nós prosseguimos a publicação do livro de Thierry Meyssan, «Sous nos yeux» (Sob os Nossos Olhos). Neste episódio, ele regressa ao primeiro semestre de 2011 no decurso do qual, apoiados pelos Estados Unidos e o Reino Unido, os Irmãos Muçulmanos se aproximaram ou acederam ao Poder na Tunísia, no Egipto e na Líbia.
 
Este artigo é extraído do livro Sob os nossos olhos.  Ver o Índice dos assuntos.
 
7— O início das «Primaveras Árabes» na Tunísia
 
A 12 de Agosto de 2010, o Presidente Barack Obama assina a directiva presidencial de Segurança n° 11 (PSD-11). Ele informa todas as suas embaixadas no Médio-Oriente Alargado para se prepararem para «mudanças de regime» [1]. Ele nomeia Irmãos Muçulmanos para o Conselho de Segurança Nacional dos Estados Unidos a fim de coordenarem a acção secreta no terreno. Washington vai colocar em acção o plano britânico da «Primavera Árabe». Para a Irmandade, chegou o momento de glória.
 
A 17 de Dezembro de 2010, um comerciante ambulante, «Mohamed» (Tarek) Bouazizi, imolou-se pelo fogo na Tunísia após a polícia ter apreendido a sua carroça. A Irmandade apropria-se do caso e faz circular boatos segundo os quais o jovem era um universitário no desemprego e que tinha sido esbofeteado por uma mulher-polícia. Imediatamente, os homens da National Endowment for Democracy (a NED, a falsa ONG dos serviços secretos dos cinco Estados anglo-saxónicos) pagam à...

Médio Oriente, Religião, Terrorismo

Continuar a ler

  • Criado em .
  • Unknown in "duas ou três coisas"

Dylan tem razão


Recordava-me de que, há dois anos, ao chegar a Bogotá, colegas da empresa me perguntaram se trazia comigo os jornais do dia de Lisboa. 

(Durante toda a vida diplomática, cuidei em levar jornais para os colegas nos postos que visitava, tal como ansiava pelos jornais que eles me traziam, quando eu estava nessas mesma condições). 

E eu que então não tinha pensado nisso!

Ao sair de Lisboa, na 2ª feira, “atulhei-me” de jornais, até do fim-de-semana. Chegado ao hotel, aqui na Colômbia, perguntei quem queria lê-los. A resposta foi unânime: “Obrigado, mas já li o que me interessava na net”.

Como dizia Bob Dylan, “the times they are a-changin”. Tenho de começar a estar mais atento à passagem rápida dos dias e dos costumes.

Ver original em "duas ou três coisas" (aqui)

  • Criado em .
  • Unknown in "duas ou três coisas"

Tanques chineses no Rossio


Segundo um rumor posto a correr nos últimos dias por setores conservadores radicais, um espetro pode vir a ameaçar a estabilidade do nosso sistema político: com as últimas sondagens a apontar para a possibilidade de as "esquerdas" terem mais de 2/3 dos deputados na próxima legislatura, elas poderiam ser tentadas a provocar, em conjunto, uma revisão constitucional de sentido extremista.

Imagino que não deva tardar o anúncio do "óbvio": vaga de nacionalizações, ataques à propriedade privada, desafio das regras europeias, a NATO em causa, quiçá uma reforma agrária no fim da linha. Em suma, o "perigo vermelho". As condicionantes europeias, o chefe do Estado, enfim, toda a história política do PS, tudo isso é indiferente aos imaginativos adeptos desta singular teoria da conspiração.

Nos anos 80, quando Mitterrand gizou a maioria de esquerda que governou a França, houve quem chegasse a "prever" a chegada dos tanques russos à Praça da Concórdia. Admito que, agora, possam ser tanques chineses no Rossio...

Em política, não vale tudo. No equilíbrio interno das ideologias, sente-se que a direita atravessa um mau momento, como o próprio presidente da República o reconheceu, mas isso não autoriza a que alguns a colem a um delírio, que tem tanto de insultuoso para os adversários democráticos como de ridículo para a sua própria credibilidade política, tantas são as razões que infirmam, pelo absurdo, todos esses receios.

Sabemos que alguns andam por aí à cata das perceções...

Continuar a ler

  • Criado em .
  • Vitor Dias in "O Tempo das Cerejas"

A questão dos opióides nos EUA

Quando a indústria
farmacêutica mata


The Post’s analysis found:
America’s largest drug companies distributed 76 billion oxycodone and hydrocodone pain pills across the country between 2006 and 2012 as the nation’s deadliest drug epidemic spun out of control. Just six companies distributed 75 percent of the pills during this period.
 
The volume of the pills handled by the companies climbed as the epidemic surged,increasing 51 percent from 8.4 billion in 2006 to 12.6 billion in 2012. The states that received the highest concentrations of pills per person per year were: West Virginia, Kentucky and South Carolina.
 
Opioid death rates soared in the communities that were flooded with pain pills. The national death rate from opioids was 4.6 deaths per 100,000 residents. But the counties that had the most pills distributed per person experienced more than three times that rate on average.
 
 

Ver original em "O Tempo das Cerejas" (aqui)

  • Criado em .
  • Pensar Contemporâneo

Por que perder um animal de estimação dói tanto

 
 

Chamar um cão de “melhor amigo do homem” dificilmente parece cobrir a relação entre cães e pessoas. Eles são leais, gentis e oferecem amor quase incondicional, alegria e entusiasmo sem fim e, ocasionalmente, muito carinho. Eles estão sempre felizes em vê-lo, nunca se cansam da sua presença, e não importa se você se faz de tolo. Eles são algumas das maiores criaturas deste planeta, companheiros verdadeiramente maravilhosos que se sentem membros da família e os únicos animais que evoluíram especificamente para serem amigos dos humanos.

Enquanto todos os donos de animais têm anedotas pessoais, a internet oferece muitos vídeos de cães se reunindo com os donos, e como disse o autor Kinky Friedman, “o dinheiro pode comprar um bom cachorro, mas só o amor pode fazê-lo abanar o rabo”.

Há também muita ciência para apoiá-lo. Pesquisadores submeteram filhotes a um escaneamento de ressonância magnética e observaram as mudanças na atividade das regiões cerebrais quando certos eventos ocorriam.

Eles então ofereceram guloseimas aos cães (todos eram muito cães dóceis, aparentemente) e, em seguida, pediram que os proprietários elogiassem os filhotes. Eles descobriram que os cérebros dos cães mostravam uma resposta ao elogio de seus donos semelhante a de quando recebiam suprimento de alimentos. Para alguns cães, o elogio de seus donos é um incentivo ainda mais eficaz do que a comida.

 

Então, os cães amam seus companheiros humanos e quando esse amor se vai, pode...

Continuar a ler

  • Criado em .
  • in AbrilAbril

Mais de 1200 projectos foram implementados em Alepo desde a libertação

O ministro sírio dos Recursos Hídricos revelou a execução de 1216 projectos na cidade desde a libertação, em Dezembro de 2016. Grupos terroristas apoiados pela Turquia continuam a atacar bairros residenciais.

Nos bairros orientais libertados de Alepo, foram removidos 3,3 milhões de metros cúbicos de escombros Créditos / sott.net

Hussein Arnous, que lidera também a comissão que supervisiona os projectos governamentais de reconstrução em toda a província de Alepo, revelou estes números na última reunião do Conselho de Ministros, segundo noticia a SANA.

Num encontro presidido pelo primeiro-ministro sírio, Imad Khamis, o titular da pasta dos Recursos Hídricos disse ainda que 15 711 fábricas e instalações industriais foram recuperadas e estão a funcionar na cidade de Alepo.

«Estão em curso as obras para retirar os escombros das ruas nos bairros orientais libertados da cidade e, até à data, foram removidos 3,3 milhões de metros cúbicos de escombros», acrescentou, citado pela Prensa Latina.

Alepo foi libertada de grupos terroristas há pouco mais de dois anos e meio, em Dezembro de 2016, após uma intensa luta, conhecida como a Batalha de Alepo, travada pelo Exército Árabe Sírio e forças aliadas contra o terrorismo e os seus promotores – incluindo a comunicação social.

Desde então, o governo de Damasco lançou um vasto programa de recuperação com vista ao restabelecimento de diversos serviços e a devolver a vida à grande urbe do Norte do...

Continuar a ler

  • Criado em .
  • Página Global

Portugal | Governo PS impõe corte de 462 mil euros na Agência Lusa


O corte determinado pelo Governo no orçamento da Lusa para o ano corrente obrigará a agência a cortar 100 mil euros por mês até ao final do ano. Decisão «não é possível de cumprir» sem despedimentos.

A decisão do Governo PS de proceder a um corte de 462 mil euros na rubrica dos Fornecimentos e Serviços Externos (FSE) foi repudiada pelos órgãos representativos dos trabalhadores (ORT) da Agência Lusa, os quais, em comunicado conjunto, consideraram «inaceitável» a decisão governamental de «cortar o orçamento da Lusa para 2019», que prevêem conduzirá «a uma brutal perda da qualidade do serviço da agência» e a «despedimentos de trabalhadores jornalistas».

Segundo os ORT, esta rubrica «paga muita da actividade diária jornalística da agência, incluindo salários de correspondentes e avençados, nacionais e internacionais, que agora poderão ver-se no desemprego».

A decisão foi anunciada pelos accionistas da Lusa, após a assembleia-geral realizada no passado dia 19 de Julho para aprovar o Plano de Actividades e Orçamento da Lusa para 2019, cuja votação vinha a ser adiada sucessivamente desde Março.


Os trabalhadores, conhecedores do protelamento da assembleia, «vinham desde há semanas denunciando a vontade do Governo em fazer um corte e alertando» para o previsível «impacto» negativo que este viria a ter.

As ORTs, que oportunamente alertaram para o risco de os cortes agora anunciados se virem a verificar, assinalaram a «concordância» manifestada pelos grupos...

Continuar a ler

  • Criado em .
  • in AbrilAbril

Distribuidores da Deliveroo são trabalhadores por conta de outrem

A decisão judicial conhecida esta terça-feira constitui um novo revés para a Deliveroo em Espanha, na medida em que defende que os distribuidores dependem da empresa para exercer as suas funções.

Um tribunal de Madrid deu razão à Segurança Social, ao considerar que os distribuidores da Deliveroo são trabalhadores por conta de outrem Créditos / Argia

A sentença, que é passível de recurso, foi divulgada esta terça-feira, na sequência do julgamento celebrado no passado dia 31 de Maio, após a queixa interposta contra a Deliveroo pela Segurança Social espanhola com base num relatório da Inspecção do Trabalho (IT) que abrangia 500 distribuidores na Comunidade Autónoma de Madrid.

De acordo com o relatório, estes trabalhadores exerciam funções sob uma «falsa aparência» de independentes por conta própria, para «encobrir» uma «relação laboral ordinária» com a empresa Deliveroo, informa o digitalsevilla.com. Agora, um tribunal de Madrid deu razão à IT, considerando que os distribuidores têm de facto uma relação laboral com a empresa, ou seja, são trabalhadores por conta de outrem e não independentes, como a empresa defendia.

Na sentença hoje divulgada, a que o diário Público (espanhol) também teve acesso, declara-se que os distribuidores executavam «fundamentalmente» um «trabalho pessoal em condições organizadas e dirigidas pela empresa, que é a única que controla a marca Deliveroo, a sua aplicação informática e toda a informação que depende...

Continuar a ler

  • Criado em .
  • in AbrilAbril

Queixas contra CTT disparam desde a sua privatização

A degradação do serviço público postal evidencia-se desde a preparação da sua privatização com milhares de despedimentos e centenas de estações encerradas. Em 2019, o cenário de agravamento prossegue.

O serviço público postal tem sido reivindicação dos seus trabalhadores e populações desde a privatização dos CTTCréditosANTONIO COTRIM / LUSA

Desde o início do ano foram feitas junto do Portal da Queixa 3778 reclamações (à hora e data em que se escreve o artigo), em razão de problemas com os serviços prestados.

A degradação do serviço público prestado e das condições de trabalho nos CTT, cinco anos após a primeira fase de privatização da empresa, são evidentes. Os Correios são assim a instituição que mais reclamações recebe no portal do consumidor.

Como hoje informa o Jornal de Notícias, só entre 17 de Junho e 17 de Julho deste ano «deram entrada 936 queixas, uma subida de 34% face às 699 registadas no mesmo período 2018».

Pese embora a empresa avançar com a justificação de que o período de férias traduz-se em alguns «constragimentos», desde 2015 – ano subsequente à privatização dos CTT – que se verifica um aumento exponencial de queixas, o que evidencia a falta de meios, em particular humanos, para dar resposta às necessidades.

É a própria DECO que diz que, «a partir de 2015, o total de reclamações começou a subir, e não mais parou. Entre aquele ano e o seguinte, o aumento foi de cerca de duas mil...

Continuar a ler

  • Criado em .
  • in AbrilAbril

Filme retrata luta das mulheres da Bauhaus

Dirigido por Gregor Schnitzler, Bauhaus é inspirado na designer Alma Siedhoff-Buscher, que fez parte da geração de artistas que lutou pelo direito à participação das mulheres na arquitectura e no design.

Créditos / Behance

No ano em que se assinala o centenário da Bauhaus, na Alemanha, a empresa alemã de produções fictícias, UFA Fiction, e a Degeto Film coproduziram o filme Bauhaus (Lotte am Bauhaus, no título original), focado nas mulheres que fizeram parte da escola e na luta que travaram pela igualdade. 

A fundação da Bauhaus, em 2019, marcou a história da arquitectura e foi uma das primeiras instituições de ensino a admitir a inscrição de mulheres, embora a sua participação estivesse limitada, por exemplo, a workshops de costura.

Uma das poucas a conseguir participar nas aulas de Escultura foi Alma Siedhoff-Buscher, que entrou na escola alemã contra a vontade dos pais, tendo feito carreira como designer e ficado na história, não apenas pelos icónicos brinquedos em madeira – que ainda hoje existem, mas por integrar a geração de artistas que lutou pelo direito à participação das mulheres na arquitectura e no design

«Os nomes delas foram condenados às notas de rodapé, mas a Bauhaus teve mulheres...

Continuar a ler

  • Criado em .
  • in AbrilAbril

STAL denuncia assédio nas bibliotecas municipais de Almada

O Sindicato dos Trabalhadores da Administração Local (STAL) exige o fim do «assédio moral» na rede de bibliotecas do concelho de Almada e critica o silêncio por parte do Executivo (PS) da Câmara Municipal.

STAL passou à denúncia pública da situação, tendo colocado faixas à porta de cada um dos equipamentos da Rede Municipal de Bibliotecas da Câmara Municipal de Almada.Créditos / STAL

A Comissão Sindical do STAL da Câmara Municipal de Almada denuncia em comunicado a «atitude inaceitável» do Executivo liderado por Inês Medeiros neste processo. Esclarece que, «com base em depoimentos de actuais trabalhadores e trabalhadoras da Rede Municipal de Bibliotecas, assim como de outros e outras que por ali passaram, e que saíram em resposta ao assédio moral», entregou uma exposição «escrita e exaustiva» no dia 11 de Março de 2019, depois de reunião com o Executivo. 

A ausência de resposta por parte do Município levou o STAL a tornar público esse documento. Alterações «constantes» das equipas de trabalho, a desvalorização e desqualificação «sistemática» do trabalho realizado e a atribuição de metas e objectivos de trabalho «impossíveis de atingir» são alguns dos aspectos dados a conhecer esta...

Continuar a ler

  • Criado em .
  • A.Teixeira in 'Herdeiro de Aécio'

QUANDO MAIS É DE MENOS... ESFORÇOS PARA TENTAR LEVAR OS PORCOS A CANTAR

Se o jornal Público (acima, à esquerda) dedicou recursos a desmontar quatro teorias da conspiração, o seu concorrente Observador esmagou-o, porque arruinou onze teorias. Eu não sei se deva felicitar o Observador por ter excedido de muito em pedagogia o seu rival. A imaginação pode ser prodigiosa mas a estupidez também pode ser infinita. Em dias de cinquentenário da viagem à Lua, o que me parece distingui-lo de outras comemorações do passado foi esta atenção absurda que vejo dedicada a refutar os conspiracionistas. Em função de toda a informação que está amplamente disponível por todo o lado, parece-me que um conspiracionista escolhe sê-lo. Porque se julga mais arguto que os restantes ou por uma outra qualquer causa, é uma atitude, mais do que uma conclusão, a que o leva a opinar (o que é diferente de concluir) que o Homem não foi à Lua e que aquilo que vemos foi tudo forjado. E tentar tirar-lhe isso (a opinião) parece-me ser um exercício inútil: desmontar racionalmente as dúvidas (que ele não tem) será como se alguém tentasse ensinar um porco a cantar. Mais do que inútil, duplamente inútil: um porco não consegue cantar e, por outro lado, nem tem gosto para apreciar a estética musical. Quem explica, perde tempo. E o porco costuma acabar chateado.
 
 

http://herdeirodeaecio.blogspot.com/2019/07/quando-mais-e-de-menos-esforcos-para.html

  • Criado em .
  • Jornal Tornado in 'O TORNADO'

58% da população não percebe nada positivo no governo Bolsonaro

O Instituto Datafolha divulgou nesta segunda-feira (22), uma pesquisa na qual 39% afirmam que o presidente Jair Bolsonaro não fez nada de positivo em seis meses de governo. Outros 19% não conseguiram lembrar de nenhum projeto positivo.

“Pelo que se vê, Temer tem razão ao dizer que Jair Bolsonaro é uma continuação de seu governo”, afirma Vânia Marques Pinto, secretária de Políticas Sociais da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB). Em junho de 2018, o ex-presidente golpista Michel Temer era desaprovado por 82% da população, segundo o Datafolha, com quase 2 anos de governo.

De acordo com Vânia, o atual presidente radicaliza ainda mais “no desmonte do Estado nacional, nos cortes de direitos e importantes conquistas para o avanço civilizacional da sociedade, retrocedendo décadas principalmente para os mais vulneráveis”.

O levantamento do Datafolha feito em 4 e 5 de julho, ouviu 2.860 pessoas com mais de 16 anos, em 130 cidades de todo o país, mostrou que somente 8% dos pesquisados sentiram melhorias na segurança pública e 7% manifestaram apoio à reforma da previdência. A imagem de Bolsonaro deteriora. Somente 4% acreditam que Bolsonaro combate a corrupção melhor que outros governantes.

O prestígio de Jair Bolsonaro está ladeira abaixo e não é à toa.

Quanto mais confiante em sua tática em destinar mensagens ao seu público e desviar do foco de acusações em que se encontra o seu governo, o ainda presidente comete erros que até seus...

Continuar a ler

  • Criado em .
  • Paulo Casaca, em Bruxelas in 'O TORNADO'

Ambientalismos

O ambiente é um dos temas políticos que mais se tem prestado à confusão, manipulação e demagogia em praticamente todas as latitudes e quadrantes de opinião. Porque considero o ambiente um tema político maior, junto aqui algumas reflexões que pretendem clarificar o debate e posições.

  1. Grelha de leitura

O dicionário Cambridge em linha define o ambientalista como alguém que se interessa ou estuda o ambiente e que procura preservá-lo de danos causados pela acção humana.

A primeira fonte de equívocos é a da dicotomia interesse / conhecimento científico. O conhecimento ou a falta dele é essencial no ambiente como em tudo; saber ou ignorar o mal que faz um determinado produto químico pode ser mais decisivo para o dano que provocamos ao ambiente do que o interesse específico que tenhamos na preservação ambiental.

O cidadão da Idade Média poderia ter um enorme interesse em escapar à peste negra mas a falta de conhecimento científico pode ter tornado irrelevante esse interesse, sendo que haverá nos nossos dias muito conhecimento sobre a matéria sem nenhum interesse específico.

Quando gosto mais de passear na floresta do que num deserto faço-o pelo meu interesse relativo e esse interesse pode ser mais ou menos independente de qualquer conhecimento científico sobre valores, impactos ou vantagens da floresta.

Posso complementar o meu interesse relativo pela floresta com algum conhecimento que possa justificar socialmente (e por vezes apenas reconfortar-me nas...

Continuar a ler

  • Criado em .
  • Página Global

Crise das dívidas ilegais aumentou a pobreza em Moçambique - estudo da UNU Wider


A crise económica e financeira que Moçambique enfrenta, precipitada pela descoberta das dívidas ilegais, aumentou a pobreza segundo um estudo do Instituto para Pesquisa sobre Desenvolvimento Económico da Universidade das Nações Unidas (UNU – WIDER). “Estimamos que o custo de compra da cesta básica refletidas nas linhas de pobreza pode ter aumentado entre 55 por cento e 70 por cento entre 2014/15 e Dezembro de 2016, superando a inflação registada no período. Esse aumento atingiu todas as áreas do país”.

Tendo como referência a 4ª Avaliação Nacional da Pobreza, baseada nos dados do Inquérito aos Agregados Familiares sobre Orçamento Familiar (IOF) 2014/15, que mostrou que a incidência da pobreza reduzira de 54,7 por cento em 2008 para 49,2 por cento da população moçambicana os académicos do UNU-WIDER analisaram que impacto a crise económica que Moçambique vive desde a desde a descoberta dos empréstimos ilegais das empresas Proindicus e MAM teve.

“A crise económica pode ter revertido essa tendência positiva e pode ter levado muitas famílias a um estado de pobreza. De facto, é mais provável que o maior efeito da crise económica em grande parte da população tenha sido o aumento dos preços dos bens importados, devido à rápida e significativa desvalorização da moeda nacional, que fez os preços internos subirem em 30 a40 pontos percentuais entre Agosto de 2014 e Dezembro de 2016”, indica o documento tornado público na semana...

Continuar a ler

  • Criado em .
LOGO4 vert01
A Plataforma Cascais - movimento cívico é um grupo aberto de cidadãos, autónomo de quaisquer interesses económicos, religiosos ou partidários.
Todas as publicações deste site refletem apenas as opiniões dos seus autores e não responsabilizam a PC-mc
exceto quando expressamente assinadas por esta.
 

SSL Certificate
SSL Certificate

Para estar informado(a)

Registo para receber a informação da Plataforma Cascais

captcha