• Início
  • Artigos
  • Mundo
  • Julian Assange é condenado a 50 semanas de prisão em Londres
  • in 'Sputnik Brasil'
  • Mundo

Nova espiral da guerra comercial sino-americana: após tarifas, Pequim promete retaliar

{SCPinterestShare href=https://plataformacascais.com/plataformacascais/artigos/mundo/51772-nova-espiral-da-guerra-comercial-sino-americana-apos-tarifas-pequim-promete-retaliar.html layout=standard image=https://cdnbr1.img.sputniknews.com/images/1172/81/11728110.jpg desc=© AFP 2019 / STR A partir de 10 de maio as tarifas norte-americanas sobre uma série de produtos chineses... size=small}
Notas yuan e dólares dos EUA são vistos em uma mesa em Yichang, província de Hubei, na China central em 14 de agosto de 2015
© AFP 2019 / STR

A partir de 10 de maio as tarifas norte-americanas sobre uma série de produtos chineses foram elevadas de 10% para 25%, em um valor de 200 bilhões de dólares. O especialista Pavel Kudryavtsev explica como o conflito comercial entre as duas maiores economias pode afetar a economia global.

As autoridades americanas decidiram aumentar as tarifas sobre uma série de produtos chineses no valor de 200 bilhões de dólares (R$ 890 bilhões) de 10% para 25%, incluindo produtos químicos, materiais de construção, mobiliário e alguns artigos eletrônicos. A medida entrou em vigor hoje (10).


O Ministério do Comércio da China sublinhou que "lamenta profundamente" o aumento das tarifas sobre as suas exportações e que não tem outro remédio senão tomar contramedidas a esse respeito.

"A China lamenta-o profundamente. Temos que tomar contramedidas necessárias", lê-se no comunicado do Ministério.

Ao mesmo tempo, o ministério expressou sua esperança de que ambos países trabalhem juntos para resolver os problemas existentes através da "cooperação e consultas".

É de assinalar que, há dez dias, Washington e Pequim anunciaram um “progresso significativo”, mas na quinta-feira (10) os EUA decidiram aumentar as tarifas em resposta à alegada violação de compromissos pela China.

"Desde 2017, a China e os EUA estão tentando resolver disputas econômicas, tendo desde então sido introduzidas diversas novas tarifas, bem como anunciados preparativos e fracassos das negociações. É evidente que notícias desse tipo sempre causam volatilidade nos mercados e discussões massivas", sublinhou o representante da Câmara de Comércio e Indústria da Rússia na Ásia Oriental, Pavel Kudryavtsev, acrescentando que não espera que o conflito possa levar a uma catástrofe econômica global.


Segundo Kudryavtsev, "na prática a cooperação econômica se baseia em laços comerciais e de investimentos de longo prazo e é bastante difícil os destruir".

Em meados de abril, a mídia informou que os EUA e a China planejavam realizar uma nova rodada de negociações e esperavam fechar um acordo comercial final no fim de maio ou no início de junho.

Pequim e Washington se envolveram em uma disputa comercial desde março de 2018 quando o presidente dos EUA, Donald Trump, anunciou que os EUA imporiam tarifas de 25% sobre uma série de produtos chineses, em uma tentativa de reduzir o déficit comercial entre EUA e China. Desde então, os dois países adotaram uma série de tarifas protecionistas.

Ver o original em 'Sputnik Brasil' na seguinte ligação::

https://br.sputniknews.com/economia/2019051013852332-nova-espiral-da-guerra-comercial-sino-americana-apos-tarifas-pequim-promete-retaliar/

Artigos relacionados

Japão relata entrada de 4 barcos-patrulha chineses em águas das ilhas ...
Japão relata entrada de 4 barcos-patrulha chineses em águas das ilhas ... © REUTERS / Kyodo A Guarda Costeira do Japão informou que quatro embarcações de patrulha chinesas entraram n... 16 views Mon, 16 Sep 2019, 15:21:27
EUA | O fim da América Branca está garantido
EUA | O fim da América Branca está garantido     A única questão é o destino dos remanescentes   Paul Craig Roberts*   A falta de respo... 35 views Sun, 15 Sep 2019, 13:13:05
Senador dos EUA defende ataque contra refinarias do Irã: 'quebrará a b...
Senador dos EUA defende ataque contra refinarias do Irã: 'quebrará a b... © AP Photo / Mark J. Terrill O senador republicano Lindsey Graham defendeu que os EUA ataquem as refinarias ... 43 views Sun, 15 Sep 2019, 14:46:54
Marinha americana: EUA 'desafiam' Pequim com entrada de destróier nas ...
Marinha americana: EUA 'desafiam' Pequim com entrada de destróier nas ... © AFP 2019 / HOANG DINH NAM Marinha dos EUA comenta a passagem do seu destróier USS Wayne E. Meyer próximo à... 16 views Sun, 15 Sep 2019, 13:24:33
Delegações da China e EUA voltam a discutir acordo comercial em outubr...
Delegações da China e EUA voltam a discutir acordo comercial em outubr...     Pequim, 05 set 2019 (Lusa) - As delegações da China e Estados Unidos que negoceiam um acordo comerci... 33 views Thu, 05 Sep 2019, 14:54:35
Administração Trump teria aprovado ataques de Israel no Iraque, contra...
Administração Trump teria aprovado ataques de Israel no Iraque, contra... © REUTERS / Ammar Awad Os EUA autorizaram Israel a atacar forças apoiadas pelo Irã no Iraque um dia depois q... 40 views Sat, 31 Aug 2019, 20:01:14

China, USA

  • Criado em .
  • Visualizações: 73

Comentários (0)

There are no comments posted here yet

Deixe os seus comentários

  1. Posting comment as a guest. Sign up or login to your account.
0 Characters
Anexos (0 / 5)
Share Your Location

Últimos posts

Itens com Pin
Atividades Recentes
  • Vasco Graça updated his profile
    Publicação sobre moderação
    Item de fluxo publicado com sucesso. Item passa a ser visível no seu fluxo.
Aqui ainda não existem atividades
LOGO4 vert01
A Plataforma Cascais - movimento cívico é um grupo aberto de cidadãos, autónomo de quaisquer interesses económicos, religiosos ou partidários.
Todas as publicações deste site refletem apenas as opiniões dos seus autores e não responsabilizam a PC-mc
exceto quando expressamente assinadas por esta.
 

SSL Certificate
SSL Certificate