• Inicio
  • Artigos
  • Mundo
  • Mensagem aos leitores de Hong Kong

Mensagem aos leitores de Hong Kong

– Como vendemos a União Soviética e a Checoslováquia por sacos de plástico

por Andre Vltchek [*]

Esta foi uma história que, durante meses, quis partilhar com os jovens leitores de Hong Kong. Parece-me ser agora o momento realmente apropriado, quando a batalha ideológica entre o Ocidente e a China está ao rubro, e, em resultado, Hong Kong e o resto do mundo estão a sofrer.

Quero dizer que nada disto é novo, o Ocidente já desestabilizou muitos países e territórios através da lavagem ao cérebro de dezenas de milhões de jovens.

Eu sei, porque no passado fui um deles. Se não tivesse sido, seria impossível entender o que acontece em Hong Kong.

 


Nasci em Leninegrado, uma bela cidade da União Soviética. Agora chama-se São Petersburgo e o país é a Rússia. Minha mãe é meio russa, meio chinesa, artista e arquiteta. A minha infância foi dividida entre Leninegrado e Pilsen, uma cidade industrial conhecida pela sua cerveja, no extremo ocidental do que costumava ser a Checoslováquia. O meu pai era cientista nuclear.

As duas cidades eram diferentes. Ambos representavam algo essencial no planeamento Comunista, um sistema que os propagandistas ocidentais ensinaram vocês a odiar.

Leninegrado é uma das cidades mais impressionantes do mundo, com alguns dos maiores museus, teatros de ópera e ballet, espaços públicos. No passado, foi a capital da Rússia.

Pilsen é pequena, com apenas 180 mil habitantes. Mas quando eu era criança, contava com várias excelentes bibliotecas, cinemas de arte, um teatro de ópera, teatros de vanguarda, galerias de arte, um parque zoológico de pesquisa, e coisas que não se podiam encontrar, como percebi mais tarde (quando era tarde demais) mesmo em cidades dos EUA com um milhão de habitantes.

Ambas as cidades, uma grande e uma pequena, tinham excelentes transportes públicos, vastos parques e florestas que chegavam até aos arredores, além de cafés elegantes. Pilsen tinha inúmeras instalações gratuitas de ténis, estádios de futebol e até quadras de badmington.

A vida era boa e significativa. Era rica. Não rica em termos de dinheiro, mas rica culturalmente, intelectualmente e em termos de saúde. Ser jovem era divertido, com ensino gratuito e facilmente acessível, com cultura por todo o lado e desportos para todos. O ritmo era lento: com tempo de sobra para pensar, aprender, analisar.

Mas, também estávamos no auge da Guerra Fria.

Éramos jovens, rebeldes e fáceis de manipular. Nunca estávamos satisfeitos com o que nos era dado. Tomávamos tudo como garantido. À noite, ficávamos colados aos nossos receptores de rádio, ouvindo a BBC, a Voice of America, a Radio Free Europe e outros programas transmitidos com o objectivo de desacreditar o socialismo e todos os países que lutavam contra o imperialismo ocidental.

As grandes empresas industriais socialistas checas construíam, em solidariedade, fábricas inteiras, de siderurgias a refinarias de açúcar, na Ásia, Médio Oriente e África. Mas não víamos glória nisso porque os meios de propaganda ocidentais simplesmente ridicularizavam esses empreendimentos.

Os nossos cinemas exibiam obras-primas do cinema italiano, francês, soviético e japonês. Mas diziam-nos para exigirmos o lixo dos EUA.

A oferta musical era óptima, das exibições ao vivo aos discos. Quase toda a música estava, na verdade, disponível, embora com algum atraso, em lojas locais ou mesmo nas salas de espectáculo. O que não era vendido nas nossas lojas era o lixo niilista. Mas era exactamente isso que nos diziam para desejar. E nós passámos a desejar e a copiar essa música com reverência religiosa, para os nossos gravadores. Se algo não estivesse disponível, os meios de comunicação ocidentais gritavam que era uma grave violação da liberdade de expressão.

Eles sabiam, e sabem, como manipular cérebros jovens.

Em dado momento, fomos convertidos em jovens pessimistas, criticando tudo nos nossos países, sem comparar, sem o mínimo de objectividade. Parece-vos habitual?

Diziam-nos e repetíamos: tudo na União Soviética ou na Checoslováquia é mau. Tudo no Ocidente é óptimo. Sim, era como uma religião fundamentalista ou loucura em massa. Quase ninguém estava imune. Na verdade, estávamos infectados, doentes, transformados em idiotas.

Estávamos a usar instalações públicas socialistas, de bibliotecas a teatros e cafés subsidiados, para glorificar o Ocidente e manchar as nossas próprias nações. Foi assim que fomos doutrinados pelas estações de rádio e televisão ocidentais e pelas publicações contrabandeadas para os nossos países.

Naqueles dias, os sacos de plástico do Ocidente tornaram-se símbolos de status social! Sim, aquelas sacolas que se obtêm em alguns supermercados ou lojas baratas.

Quando penso nisso a uma distância de várias décadas, mal consigo acreditar: jovens educados, andando pelas ruas com orgulho, exibindo sacos de plástico baratos, pelos quais pagávamos uma elevada quantia. Porque vinham do Ocidente. Porque simbolizavam consumismo! E porque nos diziam que o consumismo era bom.

 


Disseram-nos que deveríamos desejar a liberdade. Liberdade ao estilo ocidental. Fomos assim comandados para "lutar pela liberdade".

De várias maneiras, éramos muito mais livres que no Ocidente. Verifiquei isso quando cheguei a Nova York e vi como os jovens da minha idade eram tão pouco instruídos e quão pouco conheciam do mundo. Quão pouca cultura havia, em cidades norte-americanas de média dimensão.

Nós queríamos, nós exigíamos jeans. Estávamos ansiosos por música com etiquetas ocidentais exibidas nos seus LPs. Não era sobre a essência ou a mensagem. Era a forma sobre o conteúdo.

A nossa comida era mais saborosa, produzida ecologicamente. Mas queríamos embalagens ocidentais coloridas. Exigíamos produtos químicos. Estávamos constantemente furiosos, agitados, provocadores. Antagonizávamos as nossas famílias. Nós éramos jovens, mas sentíamo-nos velhos.

Publiquei o meu primeiro livro de poesia, depois saí, bati com a porta atrás de mim e fui para Nova York. Logo depois, apercebi-me de como estava enganado!

 


Esta é uma versão muito simplificada da minha história. O espaço é limitado.

Mas estou feliz por poder partilhá-lo com meus leitores de Hong Kong e, é claro, com meus jovens leitores de toda a China.

Dois países maravilhosos que costumavam ser a minha casa foram traídos, literalmente vendidos por nada, por pares de jeans e sacos de plástico.

O Ocidente festejou! Meses após o colapso do sistema socialista, ambos os países foram literalmente roubados de tudo pelas empresas ocidentais. As pessoas perderam suas casas e empregos e o internacionalismo foi dissuadido. Magníficas empresas socialistas foram privatizadas e, em muitos casos, liquidadas. Teatros e cinemas de arte foram convertidos em lojas de roupa usada barata.

Na Rússia, a expectativa de vida caiu para os níveis da África subsariana. A Checoslováquia foi dividida em duas partes.

Agora, décadas depois, a Rússia e a República Checa estão novamente prósperas. A Rússia possui muitos elementos de um sistema socialista com planeamento central.

Mas sinto falta dos meus dois países, tal como costumavam ser e todas as sondagens mostram que a maioria das pessoas também sente a sua falta. Também me sinto culpado, dia e noite, por me permitir ter sido doutrinado, usado e levado a trair.

Depois de ver o mundo, entendo que o que aconteceu com a União Soviética e na Checoslováquia também aconteceu em muitas outras partes do mundo. E agora, o Ocidente está a pretender fazer o mesmo à China, usando Hong Kong.

Quer na China, quer em Hong Kong, continuo sempre a repetir:   por favor, não sigam o nosso terrível exemplo. Defendam o vosso país! Não o vendam, em termos metafóricos, por alguns sacos de plástico sujos. Não façam algo que lamentariam pelo resto das vossas vidas!

21/Junho/2020
[*] Filósofo, romancista, cineasta e jornalista de investigação. Fez a cobertura de guerras e conflitos em dezenas de países. Três dos seus últimos livros são Revolutionary Optimism, Western Nihilism , a novela revolucionária "Aurora" e a o best-seller político: "Exposing Lies Of The Empire" . Atualmente, Vltchek reside no Leste asiático e no Médio Oriente e continua a trabalhar em todo o mundo. Pode ser contactado através do seu site e do Twitter. Escreve especialmente para a revista online "New Eastern Outlook "

O original encontra-se em www.chinadailyhk.com/... e em orinocotribune.com/...

Este artigo encontra-se em https://resistir.info/ .

 

Ver original em 'RESISTIR.INFO' na seguinte ligação:

https://resistir.info/crise/vltchek_hong_kong_21jun20.html

Artigos relacionados

Rússia registrou a primeira vacina contra Covid-19
Rússia registrou a primeira vacina contra Covid-19 O anúncio feito por Vladimir Putin de que a Rússia registrou a primeira vacina contra Covid-19 é o principal destaque da análise internacional de Ana Prestes. Outros temas são o impasse que vai se formando em... 21 views Wed, 12 Aug 2020,
A vacina Sputnik V como salvadora da humanidade
A vacina Sputnik V como salvadora da humanidade     Kirill Dmitriev [*]   O êxito russo no desenvolvimento da vacina para COVID-19 tem raízes históricas O "momento Sputnik" aconteceu. A vacina russa Sputnik V foi lançada, tornando-se ... 10 views Wed, 12 Aug 2020,
Mais de 20 países pediram mil milhões de doses da vacina russa contra a Covid-19
Mais de 20 países pediram mil milhões de doses da vacina russa contra a Covid-19 Vladimir Putin anunciou esta terça-feira que o seu país registou a primeira vacina do mundo contra o coronavírus. O Fundo de Investimento Directo da Rússia já recebeu pedidos de duas dezenas de países. CréditosJeff ... 18 views Tue, 11 Aug 2020,
Rússia recebe pedidos de mais de 20 países para 1 bilhão de doses da vacina contra COVID-19
Rússia recebe pedidos de mais de 20 países para 1 bilhão de doses da vacina contra COVID-19 Testes clínicos da vacina russa contra CODID-19 serão feitos em breve nos Emirados Árabes Unidos, na Arábia Saudita e nas Filipinas, enquanto Cuba deverá começar a produzir o medicamento em novembro. Ao ... 21 views Tue, 11 Aug 2020,
Às vésperas da eleição americana
Às vésperas da eleição americana O que irá acontecer depois das eleições presidenciais norte-americanas em novembro deste ano?     Publicado no site A Terra é Redonda O que irá acontecer depois das eleições presidenciais norte-am... 55 views Tue, 21 Jul 2020,
A escolha dos EUA: ''uma horrível tirania corporativa'' ou a revolução
A escolha dos EUA: ''uma horrível tirania corporativa'' ou a revolução       Estes são ''os bons tempos'', diz o renomado jornalista e escritor Chris Hedges, em comparação com o que pode estar por vir. Mas há esperança nas ruas   Chauncey DeVega | Carta Maior... 82 views Sun, 19 Jul 2020,

Comentários (0)

Rated 0 out of 5 based on 0 voters
There are no comments posted here yet

Deixe os seus comentários

  1. Posting comment as a guest. Sign up or login to your account.
Rate this post:
0 Characters
Anexos (0 / 5)
Share Your Location

Imperialismo, Rússia

  • Criado em .
  • Visualizações: 154
Mensagem aos leitores de Hong Kong
Note 0 sur 5 Pour 0 votes

Publicações mais recentes

Filtrar por categoria
13, agosto 2020

Será que há milhões de uigures detidos na China?

em Mundo

por resistir.info

– As proclamações contra Pequim de uma ONG apoiada pelos EUA e de um "investigador guiado por Deus" por Ajit Singh e Max Blumenthal As proclamações de que a China deteve milhões de muçulmanos uigures…
13, agosto 2020

“Pandemia de sem-abrigo” nos EUA. Há 30 milhões de pessoas sob risco de despejo

em Mundo

por ZAP in ZAP

(CC0/PD) abhishek goel / Pexels   Nos Estados Unidos da América avizinha-se uma “pandemia de sem-abrigo”. Até ao final de setembro, 30 milhões de norte-americanos estão em risco de despejo devido à covid-19.   Nos…
13, agosto 2020

PJ investiga ameaças a 3 deputadas, à SOS Racismo e aos familiares. “Têm 48 horas para sair de Portugal”

em Portugal

por ZAP in ZAP

José Sena Goulão / Lusa A Polícia Judiciária está a investigar um e-mail enviado a um grupo de dez pessoas em que é dado um prazo de 24 horas para que as mesmas abandonem “território…
13, agosto 2020

Talvez fosse melhor zerar o Novo Banco

em Portugal

por in 'Estátua de Sal'

(Francisco Louçã, in Expresso Diário, 12/08/2020) Agora, no mais fresco destes escândalos, descobre-se que a Comissão Europeia obrigou a venda de um dos ativos do banco, uma companhia seguradora, que o candidato escolhido foi um…
13, agosto 2020

Cofina oferece 35 milhões pela totalidade do capital da dona da TVI

em Portugal

por Pedro Miguel Coelho

Se a história do negócio da aquisição da Media Capital por parte da Cofina fosse uma telenovela, seria daquelas com várias temporadas. Depois de ter desistido do negócio, a holding detentora do Correio da Manhã…
13, agosto 2020

Sindicato vai processar Ryanair por assédio laboral e discriminação

em Portugal

por Lusa in ZAP

miqmat / Flickr   O Sindicato Nacional de Pessoal de Voo da Aviação Civil (SNPVAC) vai processar a Ryanair por assédio laboral e discriminação, exigindo a restituição de créditos laborais, após a resolução de contratos…
13, agosto 2020

QUANDO OS TRATADOS SE ASSINAM PARA SEREM VIOLADOS

em Mundo

por in 'O Lado Oculto'

Os aviões Tornado da Força Aérea italiana, com base em Ghedi, podem usar armas nucleares - sob comando dos Estados Unidos 2020-08-12 É suposto que a assinatura dos tratados internacionais implica o respectivo cumprimento. Nisso…
13, agosto 2020

Regresso às aulas na Alemanha

em Portugal

por António Duarte

Na Alemanha, o novo ano lectivo já começou, embora nem todos estados tenham já iniciado as aulas. O que possibilita, informa o Público, que aqueles que começam mais tarde olhem atentamente para os constrangimentos que…
13, agosto 2020

Assad: novas sanções contra Síria são estratégia americana de assédio para estrangular povo sírio

em Mundo

por in 'Sputnik Brasil'

© REUTERS / SANA A Lei César, conjunto de sanções contra a Síria impostas pelos EUA, não são ato isolado, mas parte de estratégia para estrangular o povo, disse nesta quarta-feira (12) o presidente sírio,…
13, agosto 2020

Medusas deixam praias de Cascais e concentram-se no Magoito

em Cascais

por CASCAIS24

Por Redação 12 agosto 2020 A interdição a banhos nas praias de São Pedro do Estoril e de Carcavelos foi levantada esta quarta-feira, à tarde, com o içar da Bandeira Verde, disse, a Cascais24, o…
13, agosto 2020

Juan Carlos e o franquismo

em Mundo

por Carlos Esperança in 'PONTE EUROPA'

      Não interessa quando ou onde se nasce ou morre, importa saber como se vive e o legado que se deixa no campo ético, político ou social.   A guerra civil espanhola foi…
13, agosto 2020

Mordeu GNR à civil que lhe travou fuga depois de furto em supermercado

em Cascais

por CASCAIS24

  Por VALDEMAR PINHEIRO 12 agosto 2020 Um militar da GNR, à civil, 41 anos, foi mordido no antebraço esquerdo ao travar, esta terça-feira, ao final da tarde, a fuga de um homem suspeito de…
13, agosto 2020

Protestos na Bielorrússia: o que está por trás da bandeira da oposição?

em Mundo

por in 'Sputnik Brasil'

© AP Photo / Sergei Grits A Bielorrússia tem sido governada desde 1994 por Aleksandr Lukashenko, que foi reeleito com 80% dos votos neste domingo (9), motivo pelo qual o país europeu tem presenciado fortes…
13, agosto 2020

GUERRA AO CORONAVÍRUS OU GUERRA AOS POBRES?

em Mundo

por Manuel Banet, ele próprio

      Oiça John Pilger, denunciando a hipocrisia dos que fazem demagogia com elogios ao NHS, mas que contribuíram para desmantelar o prestigiado sistema público de saúde do Reino Unido e continuam a fazê-lo…
13, agosto 2020

Tragédia anunciada: Amazônia continua ardendo

em Mundo

por in 'Sputnik Brasil'

  A Amazônia 1024 × 576brasileira continua sofrendo com o descaso das autoridades públicas, enfrentando novos grandes focos de incêndio que consomem a floresta, símbolo da diversidade da natureza do país. Em 2020, durante o…
13, agosto 2020

Bielorrússia: Violência sobre manifestantes pacíficos deve ser investigada

em Mundo

por Jornal Tornado in 'O TORNADO'

Amnistia Internacional Depois de conhecidos os resultados das eleições na Bielorrússia, manifestantes pacíficos que saíram às ruas foram alvo de violência policial. A Amnistia Internacional pede a libertação imediata de manifestantes pacíficos e ativistas políticos,…
13, agosto 2020

Vencer o Medo por Edgar Silva

em Portugal

por Abril de Novo Magazine

    Edgar Silva lançou, recentemente, uma nova obra - «Vencer o Medo» - que aborda o importante papel da Comissão Nacional de Socorro aos Presos Políticos (CNSPP) durante a ditadura em Portugal. O estudo…
13, agosto 2020

O cumprimento dos objetivos traçados

em Portugal

por jorge rocha in 'Ventos Semeados'

A herança de Mariano Gago continua a potenciar-se de acordo com os últimos números publicados pela Direção-Geral de Estatísticas de Educação e Ciência: em 2019 superou-se o máximo histórico da despesa total em investigação e…
13, agosto 2020

Covid19: Todas as críticas à vacina russa

em Mundo

por Página Global

      Ela não chegou à decisiva fase 3 de testes. Não está disponível documentação sobre provas anteriores. Aplicá-la colocaria em risco as populações. Mas que teria levado Putin, conhecido pelo cálculo estratégico refinado,…
13, agosto 2020

A vacina Sputnik V como salvadora da humanidade

em Mundo

por Página Global

    Kirill Dmitriev    O êxito russo no desenvolvimento da vacina para COVID-19 tem raízes históricas O "momento Sputnik" aconteceu. A vacina russa Sputnik V foi lançada, tornando-se a primeira vacina contra a COVID-19 registrada…
13, agosto 2020

O fantasma das nacionalizações e a inépcia do Estado-accionista passivo

em Portugal

por Nuno Ivo Gonçalves in 'O TORNADO'

  Depois da revolução de Abril o sector público empresarial consolidou-se e cresceu, tendo estado por momentos em discussão em que medida iria crescer e qual o instrumento, se a aquisição por processos de direito…
13, agosto 2020

Mais de 97.000 crianças nos EUA testaram positivo para COVID-19 na segunda metade de julho

em Mundo

por XINHUA Português

Washington, 10 ago (Xinhua) - Mais de 97.000 crianças americanas testaram positivo para COVID-19 nas últimas duas semanas de julho, de acordo com novos dados da Academia Americana de Pediatria Associação de Hospitais Infantis. A…
13, agosto 2020

Andam nazis impunes à solta em Portugal

em Portugal

por Página Global

Sem lugar para dúvidas e mais tolerâncias/cobardias perante o que está a acontecer nos ataques da extrema-direita à democracia.   São nazi-fascistas-racistas-xenófobos que de dia para para dia estão a descarregar com maior descaramento e…

Últimos posts (Conversando à beira-mar)

Itens com Pin
Atividades Recentes
  • LEGALIZAÇÃO DAS CASAS DE PROSTITUIÇÃO

    Um debate que provavelmente vai ganhar dimensão.
    Legalização da prostituição - petição apresentada na A.R
    Gravação da reunião na Assembleia da República
    0
    0
    0
    0
    0
    0
    Publicação sobre moderação
    Item de fluxo publicado com sucesso. Item passa a ser visível no seu fluxo.
  • Homicidal Cops Caught On Police Radio
    #TheJimmyDoreShow
    Homicidal Cops Caught On Police Radio
    42 219 visualizações
    •05/06/2020
    0
    0
    0
    0
    0
    0
    Publicação sobre moderação
    Item de fluxo publicado com sucesso. Item passa a ser visível no seu fluxo.
Aqui ainda não existem atividades

página no Facebook

[an error occurred while processing this directive]
LOGO4 vert01
A Plataforma Cascais - movimento cívico é um grupo aberto de cidadãos, autónomo de quaisquer interesses económicos, religiosos ou partidários.
Todas as publicações deste site refletem apenas as opiniões dos seus autores e não responsabilizam a PC-mc
exceto quando expressamente assinadas por esta.
 

SSL Certificate
SSL Certificate