• Inicio
  • Artigos
  • Mundo
  • O músculo financeiro da Big Pharma distorce a ciência durante a pandemia

O músculo financeiro da Big Pharma distorce a ciência durante a pandemia

Perdi toda a confiança na investigação médica

por Malcolm Kendrick [*]

 A evidência de que um remédio barato e de venda livre custando £7 combate o Covid-19 foi escamoteada. Por que? Porque os gigantes farmacêuticos querem vender-lhe um tratamento que custa aproximadamente £2.000. É criminoso.

Poucos anos atrás escrevi um livro chamado Doctoring Data . Era uma tentativa de ajudar as pessoas a entender o pano de fundo do maremoto da informação médica que desaba sobre nós a cada dia. A informação, que frequentemente é completamente contraditória, como "Café é bom para si... não, espere é mau para si... não, espere, é bom para si outra vez", é repetida ad nauseam.

Também destaquei alguns dos truques, jogos e manipulações que são utilizados para fazer com que medicamentos pareçam mais eficazes do que eles são realmente, ou vice-versa. Isto, tenho a dizer, pode ser um mundo muito desestimulante para entrar. Quando faço palestras sobre este assunto, frequentemente começo com umas poucas citações.

Por exemplo: aqui está o que a Dra. Marcia Angell, que editou o New England Journal of Medicine durante mais de 20 anos, escreveu em 2009:

"Simplesmente não é mais possível acreditar em grande parte da investigação médica que é publicada, ou confiar no julgamento de médicos acreditados ou orientações médicas consagradas. Não tenho prazer nesta conclusão, à qual cheguei vagarosamente e relutantemente ao longo das minhas duas décadas como editora".

Será que as coisas ficaram melhor? Não, acredito que ficaram pior – se é que isso, na verdade, seja possível. Recentemente, foi-me enviado o seguinte email acerca de uma discussão a porta fechada, sem que fosse permitido gravá-la, efectuada em Maio deste ano sob as regras de não divulgação da Chatham House:

 

"Um encontro registado secretamente entre os editores-chefe de The Lancet e do New England Journal of Medicine revela que ambos os homens lamentam a influência 'criminosa' da big pharma sobre a investigação científica. Segundo Philippe Douste-Blazy, ex-ministro da Saúde da França e candidato a director da OMS em 2017, a discussão à porta fechada da Chatham House em 2020 foi entre os [chefes de redacção], cujas publicações retractaram-se de artigos favoráveis à big pharma com dados fraudulentos.
O email continuava com uma citação daquela gravação: "Agora não seremos capazes de ... publicar quaisquer dados mais de investigação clínica porque as companhias farmacêuticas hoje são tão poderosas financeiramente e são capazes de utilizar tais metodologias, a ponto de nos fazer aceitar trabalhos aparentemente perfeitos do ponto de vista metodológico, mas que, na realidade, conseguem concluir o que elas querem concluir", disse o editor-chefe de The Lancet, Richard Horton".

Um vídeo do YouTube onde esta questão é discutida pode ser visto aqui . Está em francês, mas há legendas em inglês.

O New England Journal of Medicine e The Lancet são as duas mais influentes e mais altamente recorridas revistas médicas do mundo. Se elas já não têm capacidade para detectar o que é essencialmente investigação fraudulenta, então... Então o que? Então o que, na verdade?

De facto, as coisas geralmente deram uma viragem abrupta para pior desde o início da pandemia do Covid-19. Novos estudos, novos dados, nova informação chega a velocidade estonteantes, muitas vezes com pouca ou nenhuma revisão eficaz. No que é que se pode acreditar? Em quem se pode acreditar? Em quase nada seria a resposta mais segura.

Uma questão tem-se revelado nos últimos meses, removendo quaisquer vestígios remanescentes da minha confiança na investigação médica. Ela refere-se ao medicamento anti-malária hidroxicloroquina. Talvez saiba que Donald Trump a apoiou – o que representa toda uma série de problemas para muitas pessoas.

Contudo, antes de a pandemia acontecer, recomendei ao meu fundo local do Serviço Nacional de Saúde (NHS) que deveria verificar o stock de hidroxicloroquina. Tinha havido muita investigação ao longo dos anos, sugerindo fortemente que poderia inibir a entrada de vírus nas células – e que também interferia com a replicação viral uma vez no interior da célula.

Este mecanismo de acção explica porque ele pode ajudar a impedir a entrada do parasita da malária nos glóbulos vermelhos. A ciência é complexa, mas muitos investigadores acharam que havia boas razões para pensar que a hidroxicloroquina pode ter alguns benefícios reais, se não mesmo decisivos, no Covid-19.

Esta ideia foi ainda mais reforçada pelo conhecimento de que tem alguns efeitos na redução da chamada "tempestade de citocinas" que é considerada mortal com o Covid-19. É prescrito na artrite reumatóide para reduzir o ataque imunitário às articulações.

A outra razão para recomendar a hidroxicloroquina é que ela é extremamente segura. Ela é, por exemplo, o medicamento mais amplamente prescrito na Índia. Milhares de milhões de doses têm sido prescritas. Está disponível em venda livre na maior parte dos países. Assim, sinto-me bastante confortável ao recomendar que possa ser experimentada. Na pior das hipóteses, não faria mal nenhum.

E então a hidroxicloroquina tornou-se o centro de uma tempestade mundial. Por um lado, usando os aventais brancos, foram os investigadores que a utilizaram desde cedo, pois parecia mostrar alguns benefícios significativos. Por exemplo, o Professor Didier Raoult , do Institut Hospitalo-universitaire Méditerranée Infection, em França:

"Um famoso professor investigador em França relatou resultados bem sucedidos de um novo tratamento para o Covid-19, com testes iniciais a sugerirem que pode impedir o vírus de ser contagioso em apenas seis dias".

A seguir surgiu esta investigação de um cientista marroquino na Universidade de Lille:

"Jaouad Zemmouri … acredita que 78 por cento das mortes por Covid-19 na Europa podiam ter sido evitadas se a Europa tivesse usado hidroxicloroquina... O Marrocos, com uma população de 36 milhões de habitantes [cerca de um décimo daquela dos EUA], tem apenas 10.079 casos confirmados de Covid-19 e apenas 214 mortes.
"O Professor Zemmouri acredita que a utilização da hidroxicloroquina pelo Marrocos resultou numa taxa de recuperação do Covid-19 de 82,5 por cento e uma taxa de fatalidade de apenas 2,1 por cento, entre os admitidos em hospital.

Pouco antes disso, em 22 de Maio, foi publicado um estudo em The Lancet declarando que a hidroxicloroquina realmente aumentou as mortes. Constatou-se então que os dados utilizados não podiam ser verificados e eram muito provavelmente inventados. Os autores tinham grandes conflitos de interesse com empresas farmacêuticas que fabricavam medicamentos anti-virais. No início de Junho, todo o artigo foi retractado por Horton.

Depois surgiu um estudo britânico a sugerir que a hidroxicloroquina não funcionava de todo. Ao discutir os resultados, o Professor Martin Landray, um professor da Universidade de Oxford que está a co-liderar o ensaio Randomised Evaluation of Covid-19 Therapy (RECOVERY), declarou :

"Isto não é um tratamento para a Covid-19. Não funciona. Este resultado deveria mudar a prática médica em todo o mundo. Podemos agora deixar de usar um medicamento que é inútil".

Desde então, o estudo tem sido fortemente criticado por outros investigadores, os quais afirmam que a dose de hidroxicloroquina utilizada era potencialmente tóxica. Também foi administrada demasiado tarde para ter qualquer efeito positivo. Muitos dos doentes já se encontravam em ventiladores.

Esta semana, foi-me enviada uma cópia pré-prova de um artigo acerca de um estudo que será publicado no International Journal of Infectious Diseases . O seu autor descobriu que a hidroxicloroquina " diminuiu significativamente" a taxa de mortalidade dos pacientes envolvidos na análise. O estudo analisou 2.541 pacientes hospitalizados em seis hospitais entre 10 de Março e 2 de Maio de 2020 e descobriu que

  • 13% daqueles que foram tratados com hidroxicloroquina morreram
  • 26% dos que não receberam o medicamento morreram.

Quando as coisas se complicam, tenho tendência a procurar os potenciais conflitos de interesse. Quero com isto dizer:   quem se prepara para ganhar dinheiro com ataques à utilização da hidroxicloroquina, que é um medicamento genérico existente desde 1934 e que custa cerca de £7 por frasco de 60 comprimidos?

Neste caso, em primeiro lugar, aquelas companhias que fabricam drogas anti-virais enormemente caras tais como o Remdesivir da Gilead Scientes, o qual, nos EUA, custa US$2340 para uma típica administração durante cinco dias . Em segundo lugar, são as companhias que estão a batalhar para por uma vacina no mercado. Há muitos milhares de milhões de dólares em causa aqui.

Neste mundo, medicamentos baratos tais como a hidroxicloroquina não têm muita chance. Nem tão pouco vitaminas baratas, tais como a vitamina C e a vitamina D. Será que têm benefícios para os que sofrem de Covid-19? Tenho a certeza de que sim. Será que tais benefícios serão descartados em estudos que foram cuidadosamente manipulados para garantir que não funcionam? Claro que sim. Recordem estas palavras: "As empresas farmacêuticas são hoje tão poderosas financeiramente, e são capazes de utilizar tais metodologias, a ponto de nos fazerem aceitar documentos que aparentemente são perfeitos do ponto de vista metodológico, mas que, na realidade, conseguem concluir o que elas querem que concluam".

A menos e até que os governos e os organismos médicos actuem decisivamente para cortar permanentemente os laços financeiros entre os investigadores e a Big Pharma, estas distorções e manipulações na busca do Grande Lucro continuarão. Por favor, não tenham grandes expectativas de que será para breve.

04/Julho/2020
Ver também:
 
 

 

Ver original em 'RESISTIR.INFO' na seguinte ligação:

https://resistir.info/pandemia/bigpharma_04jul20.html

Artigos relacionados

PS contra novo Hospital Central do Alentejo
PS contra novo Hospital Central do Alentejo A Assembleia Municipal de Évora aprovou, com o voto contra do PS, uma moção exigindo o avanço, sem mais atrasos, da construção do novo hospital, incluindo as infra-estruturas necessárias. Maqueta do novo Hospital Ce... 25 views Sun, 09 Aug 2020,
Contaminai-vos uns aos outros
Contaminai-vos uns aos outros “Jovens, contaminem-se uns aos outros”, defende infecciologista francês Olhando para a evolução da pandemia da covid-19 e para a forma como tem sido gerida a crise de saúde pública, percebe-se a necessidade de d... 41 views Wed, 05 Aug 2020,
EUA: Supremo Tribunal corta planeamento familiar gratuito
EUA: Supremo Tribunal corta planeamento familiar gratuito O Supremo apoiou o governo de Trump e a garantia do controlo de natalidade gratuito nos seguros de saúde desapareceu. Um manifestante usa um chapéu durante uma manifestação contra Donald Trump no aniversário do pres... 70 views Fri, 10 Jul 2020,
Lares devem contratar os enfermeiros necessários
Lares devem contratar os enfermeiros necessários O SEP alerta que o destacamento de enfermeiros do SNS para Reguengos de Monsaraz não se pode prolongar no tempo. Créditos / CC BY 2.0 As instituições privadas com utentes à sua responsabilidade têm de garan... 130 views Tue, 07 Jul 2020,
Orçamento suplementar 2020… é também austeridade
Orçamento suplementar 2020… é também austeridade Um orçamento suplementar para 2020 que não promove o crescimento económico e o emprego nem reforça o Serviço Nacional de Saúde     Estudo Um orçamento suplementar para 2020 que não promo... 130 views Mon, 22 Jun 2020,
OMS alerta: Dexametasona só serve para casos graves
OMS alerta: Dexametasona só serve para casos graves   A Organização Mundial de Saúde (OMS) alertou, esta quarta-feira, que a dexametasona não é “um tratamento ou profilaxia” para o novo coronavírus, salientando que só deve ser usado em doentes com casos grav... 265 views Thu, 18 Jun 2020,

Comentários (0)

Rated 0 out of 5 based on 0 voters
There are no comments posted here yet

Deixe os seus comentários

  1. Posting comment as a guest. Sign up or login to your account.
Rate this post:
0 Characters
Anexos (0 / 5)
Share Your Location

Saúde, 'Big Pharma'

  • Criado em .
  • Visualizações: 211
O músculo financeiro da Big Pharma distorce a ciência durante a pandemia
Note 0 sur 5 Pour 0 votes

Publicações mais recentes

Filtrar por categoria
14, agosto 2020

COVID19. Autocarro 462 a “abarrotar” depois de supressão

em Cascais

por CASCAIS24

COVID19 Autocarro 462 a "abarrotar" depois da supressão de outra carreira 14 AGOSTO 2020 Não param as queixas dos utentes de algumas carreiras municipais de Cascais, por alegada falta de condições e de segurança no…
14, agosto 2020

Fogo noturno consome 1000m2 de mato entre Malveira da Serra e Guincho

em Cascais

por CASCAIS24

SEGURANÇA Por Redação 14 agosto 2020 Cerca de 1000m2 de mato foram consumidos por um incêndio que deflagrou esta quinta-feira, ao final da noite, na EN 247, na estrada que liga a Malveira da Serra…
14, agosto 2020

Marx e a concepção materialista da história

em Mundo

por José Carlos Ruy, em São Paulo in 'O TORNADO'

Cássio Loredano Desde seus primeiros escritos Marx e Engels compreenderam que não há história sem a ação do ser humano, sem a praxis humana. 13 Agosto, 2020 José Carlos Ruy, em São Paulo   Hegel…
14, agosto 2020

Contra o fascismo não pode haver só sensatez!

em Portugal

por jorge rocha in 'Ventos Semeados'

Há uns meses atrás o gesto do jogador Marega fez notícia nos jornais e nos audiovisuais, mas não teve consequências: os energúmenos de Guimarães, que o ofenderam e forçaram a sair do campo continuam sem…
14, agosto 2020

Trabalhadores de grupo hoteleiro de luxo lutam contra precariedade

em Portugal

por AbrilAbril

Os trabalhadores do grupo JJW Hotels e Golf Resorts cumpriram dois dias de greve pelo pagamento dos salários em atraso e contra a degradação das condições de trabalho. Trabalhadores do grupo JJW Hotels & Golf…
14, agosto 2020

O Líbano deveria olhar para o Leste e descartar o ocidente

em Mundo

por resistir.info

por Pepe Escobar  Na medida em que o Covid-19 foi instrumentalizado pelos 0,001% a Covid-19 para engendrar um Grande Reinício ( Great Reset ), a explosão maciça do porto de Beirute já está a ser…
14, agosto 2020

Um vicio antigo

em Portugal

por Vitor Dias in "O Tempo das Cerejas"

A mania das generalizações abusivas   Este editorial refere-se aos vetos presidenciais aos diplomas parlamentares que reduziram o númerode debates sobre temas europeus e elevaram o número de assinaturas exigido às petições.E nele Manuel Carvalho…
14, agosto 2020

Um “novo Plano Marshall” para a Europa. Mas não seria melhor um “novo New Deal” mundial?

em Mundo

por Brasil24/7

  É mais prudente e efetivo um novo consenso entre os países, organizando um “New Deal global”, com incentivos à economia e garantia de direitos sociais de forma ampla e universalizada, a fim não apenas…
14, agosto 2020

Escolas devem reabrir normalmente. Governo preparado para decisões diferentes

em Portugal

por ZAP in ZAP

Rodrigo Antunes / Lusa   As escolas devem reabrir em situação de normalidade e só uma evolução negativa da pandemia levará a decisões contrárias, de maior ou menor alcance, que o Governo disse esta quinta-feira…
14, agosto 2020

Espanha com quase mais 3.000 novos casos. É o maior aumento desde maio

em Mundo

por ZAP in ZAP

Massimo Percossi / EPA   Espanha registou o maior número de infeções de covid-19 desde o final de maio, com 2.935 novos casos nas últimas 24 horas, anunciou o Ministério da Saúde, ressalvando que o…
14, agosto 2020

Três meses depois do anúncio, o apoio de emergência às Artes ainda não chegou

em Portugal

por Lusa in ZAP

Miguel A. Lopes / Lusa A ministra da Cultura, Graça Fonseca Cinquenta das 311 entidades abrangidas pela Linha de Apoio de Emergência às Artes, dotada de 1,7 milhões, ainda não tinham esta quinta-feira recebido o…
14, agosto 2020

Plano golpista para a Venezuela prossegue e apoia-se no narcotráfico

em Mundo

por AbrilAbril

O embaixador venezuelano na ONU denunciou que o plano golpista para a Venezuela, para o qual foram prometidas centenas de milhões de dólares, continua activo apesar do seu falhanço inicial. Samuel Moncada é, desde Dezembro…
14, agosto 2020

Família de ativista saudita teme que esteja a ser torturada na prisão

em Mundo

por ZAP in ZAP

Unknown / Wikimedia A ativista saudita Loujain al-Hathloul Familiares de uma importante ativista dos direitos das mulheres da Arábia Saudita, detida desde maio de 2018, temem que esteja a ser torturada na prisão, uma vez…
14, agosto 2020

Em contingência, Câmaras de Lisboa passam a definir horários do comércio. O (pouco) que muda este sábado

em Portugal

por ZAP in ZAP

António Pedro Santos / Lusa   A generalidade de Portugal continental continuará em situação de alerta e a Área Metropolitana de Lisboa em situação de contingência até ao final do mês devido à pandemia de…
14, agosto 2020

Como a Rússia desenvolveu a vacina contra Covid-19 tão rápido e quem poderá tomá-la?

em Mundo

por Brasil24/7

  "Essa vacina é realmente um feito. Um acontecimento raro na ciência, que deve ser comemorado", diz o virologista Feliks Ershov, do Centro Nacional de Pesquisa de Epidemiologia e Microbiologia Gamaleya, desenvolvedor da Sputnik V…
14, agosto 2020

Babuínos como nós

em Portugal

por in 'Estátua de Sal'

(Viriato Soromenho Marques, in Diário de Notícias, 08/08/2020) O grande filósofo grego Epitecto, escravizado e agredido pelo seu proprietário romano, secretário de Nero, lembra-nos como na humanidade o desprezo e o domínio dos outros não…
14, agosto 2020

Trabalhadores que estiveram em lay-off durante pelo menos 30 dias também vão ter bónus

em Portugal

por Lusa in ZAP

António Cotrim / Lusa A ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho O Conselho de Ministros aprovou um decreto-lei que clarifica que os trabalhadores que estiveram em lay-off por mais de 30…
14, agosto 2020

Organizações progressistas defendem levantamento do embargo contra Cuba 

em Mundo

por AbrilAbril

O aumento das sanções «perversas e cruéis» contra Cuba levou mais de 130 organizações nos EUA a juntarem-se para defender o levantamento do embargo que dura há quase 60 anos. A Assembleia Geral das Nações…
14, agosto 2020

FALTA DE CIVISMO. Donos põem canídeos a defecar nos areais das praias e não limpam!

em Cascais

por CASCAIS24

Por Redação 13 agosto 2020 Os areais de algumas praias de Cascais têm vindo a ser conspurcados pelas fezes de canídeos, libertados pelos donos, que depois não limpam a porcaria. Um dos exemplos é o…
14, agosto 2020

Marcelo pede tolerância zero contra o racismo (e pede “sentido nacional” a Governo e oposição)

em Portugal

por ZAP in ZAP

Mário Cruz / Lusa   O Presidente da República recomendou esta quinta-feira aos democratas “tolerância zero” e “sensatez” para combater o racismo, ao comentar as ameaças de que foram alvo três deputadas e outros sete…
14, agosto 2020

são poucos, mas são nazis

em Portugal

por Dois Dedos de Conversa

Depois de ter anunciado que no dia 8.8 (88 -> hh -> heil hitler) ia acontecer alguma coisa grande, depois de nesse dia dúzia e meia de mascarados terem levado a cabo uma acção de…
14, agosto 2020

A escolha da senadora Kamala Harris

em Mundo

por Jornal Tornado in 'O TORNADO'

Reprodução A escolha da senadora Kamala Harris como vice de Joe Biden, o anúncio pelo Rússia da primeira vacina contra Covid-19, a exclusão da Venezuela da Cúpula pela Amazônia e as manifestações no Líbano e…

Últimos posts (Conversando à beira-mar)

Itens com Pin
Atividades Recentes
  • LEGALIZAÇÃO DAS CASAS DE PROSTITUIÇÃO

    Um debate que provavelmente vai ganhar dimensão.
    Legalização da prostituição - petição apresentada na A.R
    Gravação da reunião na Assembleia da República
    0
    0
    0
    0
    0
    0
    Publicação sobre moderação
    Item de fluxo publicado com sucesso. Item passa a ser visível no seu fluxo.
  • Homicidal Cops Caught On Police Radio
    #TheJimmyDoreShow
    Homicidal Cops Caught On Police Radio
    42 219 visualizações
    •05/06/2020
    0
    0
    0
    0
    0
    0
    Publicação sobre moderação
    Item de fluxo publicado com sucesso. Item passa a ser visível no seu fluxo.
Aqui ainda não existem atividades

página no Facebook

" data-width="500px" data-height="4000px" data-tabs="timeline" data-hide-cover="0" data-show-facepile="1" data-small-header="0" data-adapt-container-width="1">
LOGO4 vert01
A Plataforma Cascais - movimento cívico é um grupo aberto de cidadãos, autónomo de quaisquer interesses económicos, religiosos ou partidários.
Todas as publicações deste site refletem apenas as opiniões dos seus autores e não responsabilizam a PC-mc
exceto quando expressamente assinadas por esta.
 

SSL Certificate
SSL Certificate