• Entrada
  • Artigos
  • Mundo
  • Partido Nazi – Um século depois (24-02-1920)
  • Carlos Esperança in 'PONTE EUROPA'
  • Mundo

Partido Nazi – Um século depois (24-02-1920)

 
Há cem anos, Hitler reuniu cerca de 2.000 pessoas, a sua maior reunião até então, e, aí, expôs pela primeira vez os vinte e cinco pontos do manifesto do DAP, Partido dos Trabalhadores Alemães, que elaborara com Drexler e Feder, e mudou-lhe o nome para Partido Nacional Socialista dos Trabalhadores Alemães. Nasceu o partido nazi.

Os traumas da guerra de 1914/18 e do Tratado de Versalhes propiciaram a difusão das ideias extremistas onde o nacionalismo, o antissemitismo, a mitologia da pureza da raça ariana e a imputação da origem judaica ao capitalismo internacional, acusado de lucros com a Guerra, alimentaram a insânia coletiva que nesse dia 24 de fevereiro de 1920 teve um batismo apoteótico.

As ideias nacionalistas são fáceis e germinar. A mitologia dos países cria-se para apelar aos instintos primários dos ressentidos, que vibram sempre com alegados heróis, santos e mártires, antepassados, sempre vitoriosos, graças à bravura, à proteção divina e à força da raça, ao contrário da população coeva, dominada por cobardes, traidores e corruptos.

A Europa, onde a Revolução Russa despertou horror e medo, tornou-se uma presa fácil de demagogos onde o fascismo e o nazismo se tornaram populares. A democracia deu lugar a sistemas autoritários e o ódio germinou entre povos num caminho eufórico para a tragédia que todos conhecemos e muitos procuram esquecer.

Um século depois assiste-se à orquestração dos mesmos medos, à ascensão de idênticos demagogos ao poder, à reedição da pusilanimidade dos que desistem de combater os Demónios nacionalistas, no mundo onde as mentalidades não conseguem acompanhar o ritmo das transformações tecnológicas, o avanço dos perigos globais e a insensatez dos líderes que definem a geoestratégia mundial.

A mais mortífera das guerras, o sofrimento dos povos, a demência totalitária e o apetite desenfreado do nacionalismo não serviram de vacina ao desvario que grassa de novo.

A própria Alemanha, país que mais sofreu e fez sofrer, com a chanceler Merkel, última grande estadista europeia, não conseguiu evitar a ressurreição dos demónios que querem reabilitar como heróis os que morreram a combater pelo mais hediondo dos regimes, a mais tenebrosa das ideologias, a mais fanática das crenças racistas.

Um século depois, renascem os mesmos preconceitos, o nacionalismo, a xenofobia, o antissemitismo e a indiferença perante os direitos individuais. As democracias estão em perigo e uma multidão de ressentidos espera quem os conduza numa espiral do ódio e de vingança.
   
Então, como agora, não faltaram jornalistas como Karl Harrer capazes de organizar os movimentos políticos que lançaram trabalhadores nos braços dos seus piores inimigos.

Hoje é o centenário de uma efeméride que não vi referida na comunicação social, e não esqueço que o nazismo foi especialmente alemão, mas movimentos homólogos seduziram e contagiaram a França, Espanha, Portugal, Itália, Polónia, Hungria, Áustria, Croácia e a generalidade dos países europeus, além das fortes simpatias que no próprio Reino Unido e EUA impediram uma resposta mais precoce à barbárie nazi/fascista.

É preciso não esquecer a tragédia que dilacerou o mundo.

Ver original em 'PONTE EUROPA' na seguinte ligação::

https://ponteeuropa.blogspot.com/2020/02/partido-nazi-um-seculo-depois-24-02-1920.html

Artigos relacionados

Identificados 96 ex-nazistas letões vivos escondidos em vários países,...
Identificados 96 ex-nazistas letões vivos escondidos em vários países,... © Sputnik / А. Shadrin No dia 16 de março serão revelados ao mundo os nomes de 96 veteranos ex-nazistas letõ... 35 views Sat, 14 Mar 2020, 21:06:45
Os surfistas
Os surfistas A onda nunca se sabe como e onde termina, há que a saber usar em nome de Deus e da Democracia.   D. Manuel Cl... 44 views Tue, 03 Mar 2020, 17:55:12
Uma geração chega?
Uma geração chega? O dado mais relevante da análise da votação no Chega, no âmbito da última sondagem do ICS/ISCTE para o Expresso/SIC ... 62 views Thu, 20 Feb 2020, 01:46:08
Alemães saem às ruas contra a extrema-direita
Alemães saem às ruas contra a extrema-direita   247 - Sob o lema "Sem pacto com fascistas - nunca e em lugar nenhum", milhares de manifestantes tomaram às rua... 47 views Sun, 16 Feb 2020, 00:32:41
Matteo Salvini vai ser julgado pela política de migração
Matteo Salvini vai ser julgado pela política de migração   O ex-ministro do Interior de Itália, Matteo Salvini, vai ser julgado em tribunal, acusado de sequestro ao ... 44 views Thu, 13 Feb 2020, 01:18:17
A necessidade de um «cordão sanitário» contra a extrema-direita em Por...
A necessidade de um «cordão sanitário» contra a extrema-direita em Por... Na quarta-feira, o parlamento do Estado alemão da Turíngia elegeu um presidente de governo com o apoio da extrema dire... 60 views Mon, 10 Feb 2020, 00:39:23

Extrema direita

  • Criado em .
  • Visualizações: 47

Comentários (0)

There are no comments posted here yet

Deixe os seus comentários

  1. Posting comment as a guest. Sign up or login to your account.
0 Characters
Anexos (0 / 5)
Share Your Location

Publicações mais recentes

Últimos posts

Itens com Pin
Atividades Recentes
Aqui ainda não existem atividades
LOGO4 vert01
A Plataforma Cascais - movimento cívico é um grupo aberto de cidadãos, autónomo de quaisquer interesses económicos, religiosos ou partidários.
Todas as publicações deste site refletem apenas as opiniões dos seus autores e não responsabilizam a PC-mc
exceto quando expressamente assinadas por esta.
 

SSL Certificate
SSL Certificate