Fundador do CDS Freitas do Amaral morre aos 78 anos em Cascais

Atual

Por Redação
03 outubro 2019
Um dos fundadores do CDS e seu antigo presidente, Diogo Pinto Freitas do Amaral, faleceu esta quinta-feira, aos 78 anos, no hospital CUF, em Cascais, onde estava internado desde o passado dia 16 de setembro nos cuidados intermédios por doença oncológica.
Diogo Freitas do Amaral fundou, juntamente com Adelino Amaro da Costa, falecido no trágico acidente de Camarate, Basílio Horta, atual presidente da Câmara de Sintra e, entre outros, João Morais Leitão, o partido do Centro Democrático Social (CDS) a 19 de julho de 1974.
Assunção Cristas, líder do CDS-PP interrompeu, entretanto, um almoço de campanha em Barcelos, para fazer um minuto de silêncio em homenagem ao fundador - "a quem devemos a fundação do CDS" - e recordando os tempos difíceis em foi criado o partido do Centro Democrático Social, juntamente com dirigentes como Adelino Amaro da Costa.
"Eu, enquanto presidente do CDS, só posso estar grata por esse trabalho, por essa coragem, tantas vezes debaixo da ameaça, tantas vezes debaixo de fogo", afirmou a atual líder do CDS-PP.
Também António Costa reagiu à morte de Diogo Freitas do Amaral, afirmando que “faleceu um dos fundadores do nosso regime democrático”. O primeiro-ministro anunciou também que será decretado Luto Nacional no dia do funeral de Freitas do Amaral.
Já o presidente do PSD, Rui Rio, que recebeu a notícia durante um encontro em Gaia, afirmou "querer deixar uma palavra de homenagem ao professor Freitas do Amaral. 
“Nem sempre o PSD esteve de acordo com ele ou ele de acordo com o PSD, mas nos momentos importantes do país e do PSD o professor Freitas do Amaral foi um aliado", afirmou Rui Rio.
Entretanto, também o gabinete da Presidência da República emitiu uma nota de homenagem, na qual Marcelo Rebelo de Sousa “manifesta o seu mais fundo pesar pelo falecimento de Diogo Freitas do Amaral, um dos quatro Pais Fundadores do sistema político-partidário democrático em Portugal, como Presidente do Centro Democrático e Social".
"A Diogo Freitas do Amaral deve a Democracia portuguesa o ter conquistado para a direita um espaço de existência próprio no regime político nascente, apesar das suas tantas vezes afirmadas convicções centristas", acrescenta o Presidente da República que, além disso, "perdeu um grande amigo pessoal de meio século". 
O Presidente da Assembleia da República, Ferro Rodrigues, também reagiu ao afirmar que recebeu com enorme consternação a notícia da morte do "fundador do regime democrático" e cidadão com "grande dedicação" à causa pública”.
Professor universitário e jurista, Diogo Freitas do Amaral nasceu na Póvoa de Varzim em 21 de julho de 1941. Além de fundar e presidir ao CDS, fez ainda parte de governos da Aliança Democrática (AD), entre 1979 e 1983, e mais da tarde do PS, entre 2005 e 2006, depois de ter saído do CDS em 1992.
Foi primeiro-ministro interino após a morte de Francisco Sá Carneiro e ministro dos Negócios Estrangeiros de um governo socialista, entre 2005 a 2006.
Autor de dezenas de livros, no final de junho último Diogo Freitas do Amaral lançou o seu terceiro e último livro de memórias políticas, intitulado 'Mais 35 anos de democracia - um percurso singular', que abrange o período entre 1982 e 2017, editado pela Bertrand.
No seu lançamento esteve presente o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, tendo o primeiro líder do CDS e candidato às presidenciais de 1986, ganhas então por Mário Soares, recordado o seu "percurso singular" de intervenção política, afirmando que acentuou valores ora de direita ora de esquerda, face às conjunturas, mas sempre "no quadro amplo" da democracia-cristã.
Diogo Freitas do Amaral deixa viúva e quatro filhos- os mais conhecidos do público, Diogo Amaral, ator, e Domingos Amaral, jornalista e escritor.

Ver o original em "CASCAIS24" na seguinte ligação::

https://www.cascais24.pt/p/blog-page_579.html

  • Criado em .
  • Visualizações: 100

Comentários (0)

There are no comments posted here yet

Deixe os seus comentários

  1. Posting comment as a guest. Sign up or login to your account.
0 Characters
Anexos (0 / 5)
Share Your Location

Últimos posts

Itens com Pin
Atividades Recentes
  • Vasco Graça updated his profile
    Publicação sobre moderação
    Item de fluxo publicado com sucesso. Item passa a ser visível no seu fluxo.
Aqui ainda não existem atividades
LOGO4 vert01
A Plataforma Cascais - movimento cívico é um grupo aberto de cidadãos, autónomo de quaisquer interesses económicos, religiosos ou partidários.
Todas as publicações deste site refletem apenas as opiniões dos seus autores e não responsabilizam a PC-mc
exceto quando expressamente assinadas por esta.
 

SSL Certificate
SSL Certificate