Confrontos na praia do Tamariz envolveram grupos rivais de Sacavém e da Amadora

Segurança

Um pormenor dos confrontos este domingo no Tamariz
Por Redação
13 maio 2019
As primeiras investigações policiais aos confrontos que, este domingo, à tarde, tiveram por palco o paredão da praia do Tamariz e dos quais resultou um ferido, à facada, apontam para dois grupos rivais originários da Quinta do Mocho, em Sacavém, concelho e de Loures, e da Amadora, apurou Cascais24.

Um jovem, 20 anos, foi esfaqueado na região inferior ao pulmão esquerdo durante a rixa que teve por palco o chamado paredão, mas que levou o pânico aos tranquilos banhistas.

O ferido teve que ser assistido na urgência do Hospital de Cascais.

O incidente registou-se pouco antes das cinco horas da tarde.

Polícia identifica grupos rivais como originários de Sacavém e da Amadora
A PSP que nas últimas horas identificou alguns elementos dos dois grupos rivais em confronto procura apurar o que esteve na sua origem.

Para além de tentar perceber o que aconteceu, a Polícia procura também identificar o autor da agressão, à facada.

Recorda-se que no restabelecimento da ordem pública estiveram envolvidos, para além de agentes da Polícia Marítima, efetivos da PSP, que fizeram deslocar patrulhas móveis e a Equipa de Intervenção Rápida (EIR) da Divisão Policial de Cascais.

Ver o original em "CASCAIS24" na seguinte ligação::

http://www.cascais24.pt/p/blog-page_369.html

Para estar informado(a)

Registo para receber a informação da Plataforma Cascais

captcha